A importância do ‘upcycling’ e o poder da criatividade

 

reciclagem

A importância do ‘upcycling’ e o poder da criatividade, artigo de Achiles Batista Ferreira Junior

[EcoDebate]

Para abordar o marketing sustentável, começo destacando sobre esta prática do ponto de vista da sustentabilidade. Refiro-me ao “upcycling”, ou seja, a reciclagem de materiais (para cima).

Em ordem de contextualizar a sua aplicação, voltamos no tempo para evidenciar o maior exemplo desta nobre e inteligente prática sustentável no setor têxtil, nos idos de 1929.

Neste período, os Estados Unidos amarguraram os anos da Grande Depressão, também conhecida como a Crise de 1929, que persistiu ao longo da década de 1930.

Este episódio mergulhou as famílias tradicionais norte-americanas em um estado de pobreza inimaginável, a ponto de as pessoas mal conseguirem alimentos devido ao terrível momento econômico. Desta forma, solucionar a crise tornou-se prioridade absoluta dos Estados Unidos para a compra e fornecimento de alimentação básica à população.

Foi então que a mágica da solidariedade e criatividade foram evidenciadas, quando os produtores de farinha decidiram auxiliar os cidadãos americanos de maneira a dar-lhes um pouco de alento e alegria, e assim atenuar o sofrimento das famílias na época.

Neste período de escassez, as indústrias de farinha embalaram seus produtos em sacos coloridos, elaborados com tecidos estampados para que as pessoas pudessem reutilizar.

As mulheres usavam estes mesmos sacos de farinhas de trigo que compravam para atender a criação bem como suas famílias, para confecção de roupas, cobertores, capas, toalhas, cortinas e até bonecas de pano. Em tempos difíceis, a criatividade é a nossa melhor arma.

Vale lembrar que, antes da crise, os EUA desfrutaram de um período de riqueza, com prosperidade e desenvolvimento incomum em sua história, e nem poderiam imaginar que chegariam ao fundo do poço – prova de que um plano B sempre é interessante.

Após a enorme crise econômica e graças à recuperação econômica causada pela reconstrução europeia durante o período pós-guerra, a população americana não precisou mais resolver os problemas do vestuário recorrendo aos sacos de algodão. Os vestidos feitos com eles se tornaram parte do passado e hoje servem como inspiração sobre sustentabilidade e empatia ao próximo.

Ficou provado, desde 1929, que ambas as situações podem e devem estar alinhadas e a criatividade sempre fará o ser humano ainda mais especial.

Achiles Batista Ferreira Junior é coordenador dos cursos de Marketing Digital, Marketing e Gestão de Mídias Sociais do Centro Universitário Internacional Uninter.

 

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 01/03/2021

 

A manutenção da revista eletrônica EcoDebate é possível graças ao apoio técnico e hospedagem da Porto Fácil.

Nota: Para receber atualizações pelo grupo de notícias do EcoDebate no WhatsApp, adicione o telefone 21 98682-4779 e, em seguida, envie uma mensagem com o texto ADICIONAR.

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate com link e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394,

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Top