Populações de mamíferos marinhos e tartarugas marinhas em recuperação após proteção da Lei de Espécies Ameaçadas dos EUA

 

Mais de três quartos das populações de mamíferos marinhos e tartarugas marinhas aumentaram significativamente após a listagem do Ato de Espécies Ameaçadas dos EUA (ESA).

É o que revela um estudo publicado em 16 de janeiro na revista PLOS ONE por Abel Valdivia, do Center for Biological Diversity na Califórnia e colegas.

Por Henrique Cortez*

 

pesquisa

 

As descobertas sugerem que medidas de conservação como o manejo de espécies sob medida e regulamentos de pesca, além de outras medidas nacionais e internacionais, parecem ter sido bem sucedidas na promoção da recuperação de espécies e a aumentos na maioria das populações.

A ESA é uma poderosa lei ambiental que protege plantas e animais em perigo, e um número crescente de espécies marinhas tem sido protegido sob esta lei, à medida que aumenta o risco de extinção nos oceanos.

Ainda faltam análises de tendências de recuperação para mamíferos marinhos e tartarugas marinhas após a listagem. Para abordar essa lacuna no conhecimento, Valdivia e seus colegas reuniram as melhores estimativas de abundância anuais disponíveis para as populações de todas as 62 espécies de mamíferos marinhos e espécies de tartarugas marinhas listadas na ESA. Os pesquisadores analisaram as tendências populacionais, a magnitude da mudança populacional e o status de recuperação de 23 populações representativas de 14 espécies de mamíferos marinhos e oito populações representativas de cinco espécies de tartarugas marinhas.

Os resultados revelaram que 18 (ou 78%) das populações de mamíferos marinhos e seis (ou 75%) das populações de tartarugas marinhas aumentaram significativamente após a listagem da ESA. Por outro lado, duas (ou 9%) das populações de mamíferos marinhos, mas nenhuma população de tartarugas marinhas, diminuíram após a proteção da ESA. Enquanto isso, três (ou 13%) das populações de mamíferos marinhos e duas (ou 25%) das populações de tartarugas marinhas apresentaram mudanças não significativas.

No geral, as 24 populações que aumentaram em abundância foram de espécies listadas por 20 anos ou mais (por exemplo, grandes baleias, peixes-boi e tartarugas marinhas). De acordo com os autores, os resultados ressaltam a capacidade dos mamíferos marinhos e tartarugas marinhas de se recuperar de declínios substanciais da população quando as ações de conservação são implementadas de maneira oportuna e efetiva.

Referência:

Valdivia A, Wolf S, Suckling K (2019) Marine mammals and sea turtles listed under the U.S. Endangered Species Act are recovering. PLoS ONE 14(1): e0210164. https://doi.org/10.1371/journal.pone.0210164

 

* Com informações do Center for Biological Diversity e PLOS ONE

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 17/01/2019

"Populações de mamíferos marinhos e tartarugas marinhas em recuperação após proteção da Lei de Espécies Ameaçadas dos EUA," in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 18/01/2019, https://www.ecodebate.com.br/2019/01/18/populacoes-de-mamiferos-marinhos-e-tartarugas-marinhas-em-recuperacao-apos-protecao-da-lei-de-especies-ameacadas-dos-eua/.

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394,

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Top