Nível global do mar pode subir 15 metros em 2300, diz estudo

 

Caracterizar o que é conhecido e o que é incerto é fundamental para o gerenciamento do risco costeiro

Por Todd Bates**, Rutgers, The State University of New Jersey

 

Partes de Nova Jersey e Nova York com 2,5 metros* (8 pés) de aumento do nível do mar. Um aumento de quase 2,5 metros é possível até 2100, no pior dos casos, de acordo com projeções. As áreas azul-claras mostram a extensão da inundação permanente. As áreas verdes brilhantes estão baixas. Imagem: NOAA Sea Level Rise Viewer
Partes de Nova Jersey e Nova York com 2,5 metros* (8 pés) de aumento do nível do mar. Um aumento de quase 2,5 metros é possível até 2100, no pior dos casos, de acordo com projeções. As áreas azul-claras mostram a extensão da inundação permanente. As áreas verdes brilhantes estão baixas. Imagem: NOAA Sea Level Rise Viewer

 

A média global do nível do mar pode subir cerca de 2,5 metros até 2100 e 15 metros até 2300 se as emissões de gases do efeito estufa continuarem altas e a humanidade se mostrar inerte, de acordo com uma revisão das projeções feitas por cientistas da Rutgers.

Desde o início do século, o nível médio do mar global subiu cerca de 6 cm. Sob emissões moderadas, as estimativas centrais da média global do nível do mar de diferentes análises variam de 42 a 85 cm em 2100, 85 cm a 1,6 m em 2150 e 6 a 14 m em 2300, de acordo com o estudo, publicado na Annual Review of Environment and Resources .

E com 11% dos 7,6 bilhões de habitantes do mundo vivendo em áreas com menos de 10 metros acima do nível do mar, a elevação dos mares representa um grande risco para populações costeiras, economias, infra-estrutura e ecossistemas em todo o mundo, diz o estudo.

O aumento do nível do mar varia com a localização e o tempo, e os cientistas desenvolveram uma série de métodos para reconstruir as mudanças passadas e projetar as futuras. Mas, apesar das abordagens diferentes, uma história clara está surgindo com relação às próximas décadas: de 2000 a 2050, o nível do mar global médio provavelmente subirá de 16 a 25 cm, mas é extremamente improvável que suba mais de 45 cm. Além de 2050, as projeções são mais sensíveis às mudanças nas emissões de gases de efeito estufa e às abordagens para projetar mudanças no nível do mar.

“Há muito que se sabe sobre mudanças no nível do mar no passado e no futuro, e muito é incerto. Mas a incerteza não é uma razão para ignorar o desafio”, disse o co-autor Robert E. Kopp , professor do Departamento da Terra. e Ciências Planetárias na Rutgers University-New Brunswick e diretor do Instituto Rutgers de Ciências da Terra, do Oceano e Atmosféricas . “Caracterizar cuidadosamente o que é conhecido e o que é incerto é crucial para gerenciar os riscos que o aumento do nível do mar representa para as costas ao redor do mundo”.

Os cientistas usaram estudos de caso de Atlantic City, Nova Jersey, e de Cingapura para discutir como os métodos atuais para a reconstrução de mudanças no nível do mar podem restringir futuras projeções globais e locais. Eles também discutiram abordagens para o uso de projeções científicas no nível do mar e como projeções precisas podem levar a novas questões de pesquisa no nível do mar.

Uma grande parte do aumento do nível do mar no século 20, incluindo a maior parte do aumento global desde 1975, está ligada ao aquecimento global causado pelo homem, segundo o estudo.

Referência:

Mapping Sea-Level Change in Time, Space, and Probability
Benjamin P. Horton, Robert E. Kopp, Andra J. Garner, Carling C. Hay, Nicole S. Khan, Keven Roy, Timothy A. Shaw
Annual Review of Environment and Resources 2018 43:1
https://doi.org/10.1146/annurev-environ-102017-025826

 

* Medidas aproximadas, em razão da conversão de pés para metros.

* Tradução e edição de Henrique Cortez, EcoDebate.

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 10/10/2018

[cite]

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394,

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Um comentário em “Nível global do mar pode subir 15 metros em 2300, diz estudo

Comentários encerrados.

Top