Uma em cada quatro cidades de SP tem lixões a céu aberto, diz Tribunal de Contas do Estado (TCE)

 

lixão

 

Fiscalização do Tribunal de Contas do Estado (TCE) de São Paulo apontou que pouco mais da metade (51,54%) dos municípios avaliados implantaram o Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos. Em 28,83% dos municípios, o plano está em fase de elaboração e 19,63% deles ainda não iniciaram a elaboração. Em 38 cidades (23,31%) há depósito de resíduos a céu aberto, os chamados lixões, ou seja uma em cada quatro cidades. O TCE fiscalizou um total de 163 municípios.

O tribunal constatou que a coleta seletiva dos resíduos urbanos é feita em 63,8% dos municípios. Em 34,97% das cidades existe unidade de triagem de resíduos e em 5,52% existe unidade de compostagem.

Sobre áreas de transbordo, 29,45% dos municípios têm tais espaços, ou seja, 48 cidades e 23 cidades não contam com licença de operação da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb).

Em 60,74% dos municípios, existem área de aterro, totalizando 99 cidades. Em 22 municípios não há licença de operação da Cetesb. Em 22 das cidades (13,5%), o tratamento de resíduos sólidos é feito antes do aterramento.

Segundo o tribunal, entre os municípios que levam os resíduos para aterros, poucos fazem algum tratamento do material antes de descartá-lo: reciclagem (19), compostagem (4) e reutilização (2).

Por Camila Boehm, da Agência Brasil, in EcoDebate, 04/11/2016

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Top