nº 2.559, 2016 [30/06/2016]

    Antropoceno, Parte 3/3, artigo de Roberto Naime Mortes de ativistas socioambientais não podem se perder nas estatísticas, artigo de Sucena Shkrada Resk Processo penal e economia política, artigo de Amadeu Garrido A reprimarização da economia brasileira e a PEC 65: um retrocesso que nos leva de volta à década de 1970 Entidades criticam lei que prevê pulverização aérea de inseticida contra o Aedes Justiça concede liminar e obriga o Ibama

Antropoceno, Parte 3/3, artigo de Roberto Naime

antropoceno

    [EcoDebate] A questão do tecnógeno ou antropoceno é mais bem compreendido quando se parte das premissas da moderna biologia, de Lynn Margulis e James E. Lovelock, criadores da hipótese Gaia, que a partir dos conceitos de entropia e processos, imaginam a vida como fluxos dinâmicos de matéria e energia, não mensuráveis por equações matemáticas simples. São processos que guardam em si a tendência natural da energia e da matéria em caminharem

Mortes de ativistas socioambientais não podem se perder nas estatísticas, artigo de Sucena Shkrada Resk

luto

    Muitos nomes em algumas lápides por este Brasil podem ser anônimos para a maioria de nós, mas representam o descaso cada vez maior com a vida de cidadãos e cidadãs, que fazem parte de comunidades indígenas, que pleiteiam a demarcação de terra que se estende em processos morosos, ou reivindicam o cessar da pressão sobre suas terras. Nesse hall, outros brasileiros que têm suas vidas interrompidas pertencem a populações tradicionais

Processo penal e economia política, artigo de Amadeu Garrido

opinião

    [EcoDebate] Já estamos a ouvir clamor empresarial para encerrar-se a Lava Jato. A economia brasileira se encontraria sob suspeição do mundo. A descoberta dos crimes é diuturna, as investigações se sucedem as denúncias do MP e a instauração de ações penais. De um modo generalizado, não há como deixar de reconhecer que o Brasil derrapa. Contudo, fatos e processos penais, crimes de ação pública, não se encontram sob a disponibilidade dos

A reprimarização da economia brasileira e a PEC 65: um retrocesso que nos leva de volta à década de 1970

  A reprimarização da economia brasileira e a PEC 65: um retrocesso que nos leva de volta à década de 1970. Entrevista especial com Eduardo Luis Ruppenthal   “Esse é um momento difícil pelo qual o país está passando e pode significar um profundo retrocesso em várias conquistas constitucionais, avanços sociais e ambientais desde o processo de redemocratização brasileira”, denuncia o biólogo. Imagem: http://cdn2.hubspot.net/   Se aprovada, a Proposta de Emenda à Constituição – PEC 65 irá

Entidades criticam lei que prevê pulverização aérea de inseticida contra o Aedes

veneno

    A lei que autoriza o uso de aviões para pulverizar substâncias químicas contra o mosquito Aedes aegypti, sancionada esta semana pelo presidente interino, Michel Temer, foi duramente criticada por organizações de saúde e combate a agrotóxicos. Publicada na terça-feira (28) no Diário Oficial da União, a Lei 13.301/2016 prevê a “incorporação de mecanismos de controle vetorial por meio de dispersão por aeronaves mediante aprovação das autoridades sanitárias e da comprovação científica da

Justiça concede liminar e obriga o Ibama a fiscalizar atividades agrícolas no Oeste da Bahia

  A Justiça Federal, em decisão liminar, acatou, dia (22/06/2016), o pedido do Ministério Público Federal na Bahia (MPF/BA) e determinou que o Instituo Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) não envie os processos de embargos dos empreendimentos que realizam atividades agrossilvipastoris – agricultura, pecuária, aquicultura e silvicultura – sob sua responsabilidade, no Oeste da Bahia, para a Secretaria de Meio Ambiente do Estado (Sema). O Instituto também

Videocast: Como alimentar cada vez mais pessoas de modo sustentável?

Se a população mundial e o consumo de alimentos continuarem crescendo, em 2050 o mundo precisará de 60% mais comida em relação à disponível atualmente. Segundo a FAO, a agência da ONU sobre alimentação e agricultura, a maior parte deste consumo adicional terá de vir através da Intensificação Sustentável da Produção Agrícola (ISPA). Saiba mais sobre este conceito neste vídeo da FAO.     Da ONU Brasil/FAO, in EcoDebate, 30/06/2016   [CC BY-NC-SA 3.0][ O

Homicídios são a principal causa de morte de crianças e adolescentes, diz estudo

  Por dia, 29 crianças e adolescentes são assassinadas no Brasil, de acordo com estudo da Faculdade Latino Americana de Ciências Sociais (Flacso) Brasil divulgado hoje (30). O número coloca o país em terceiro lugar em homicídios de crianças e adolescentes em uma lista de 85 nações. O número de vítimas negras é quase três vezes maior que o de brancas. Segundo o relatório Violência Letal Contra as Crianças e Adolescentes do

Top