COP21: Acordo global sobre mudança do clima é adotado em Paris

 

COP 21

 

Para o secretário-geral da ONU, Acordo de Paris acordado por 195 países na COP21 marca um momento decisivo de transformação para reduzir os riscos da mudança climática e contribui para outros objetivos globais da ONU, como a erradicação da pobreza.

 

Foi adotado por consenso neste sábado (12), em Paris, um novo acordo global que busca combater os efeitos das mudanças climáticas, bem como reduzir as emissões de gases de efeito estufa.

O documento, chamado de Acordo de Paris (acesse aqui), foi ratificado pelas 195 partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC) e pela União Europeia, durante a 21ª Conferência das Partes (COP21). Um dos objetivos é manter o aquecimento global “muito abaixo de 2ºC”, buscando ainda “esforços para limitar o aumento da temperatura a 1,5 ° C acima dos níveis pré-industriais”.

O texto final determina, no que diz respeito ao financiamento climático, que os países desenvolvidos deverão investir 100 bilhões de dólares por ano em medidas de combate à mudança do clima e adaptação em países em desenvolvimento.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que o Acordo de Paris marca um momento decisivo de transformação para reduzir os riscos da mudança climática. “Pela primeira vez, cada país do mundo se compromete a reduzir as emissões, fortalecer a resiliência e se unir em uma causa comum para combater a mudança do clima. O que já foi impensável se tornou um caminho sem volta”, disse Ban.

“O Acordo de Paris prepara o terreno para o progresso na erradicação da pobreza, no fortalecimento da paz e na garantia de uma vida de dignidade e oportunidade para todos”, acrescentou o chefe da ONU.

Acesse o documento final da COP21 em http://bit.ly/1lE9New

Outros detalhes da negociação em http://bit.ly/1lE9S1M

 

Informe da ONU Brasil, in EcoDebate, 14/12/2015

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

2 comentários em “COP21: Acordo global sobre mudança do clima é adotado em Paris

  1. Coitado deste Ban Ki-Moon. Quanta inocência…
    Todos têm noção do perigo que todos corremos. Quem vai botar a mão no bolso e pagar a conta? Os que poluem mais (China e Estados Unidos) irão desacelerar sua economia para fazer coro aos países mais pobres? É claro que eles não irão comprometer-se ao dizer que não o fariam. Já prometeram outras vezes e não o fizeram.

    Será que desta vez alguém vai se mexer? E a Nossa Presidenta falar em desmatamento zero em 2030. Aqui no Brasil, ninguém mais lhe dá crédito. Será que lá fora alguém acredita nela? Suas palavras valem mais do que uma nota de três reais.

    Vivemos uma situação que exige ação rápida de todos os países. Quem vai se mexer quando se fala em dinheiro? Vamos aguardar.

  2. “O Acordo de Paris prepara o terreno para o progresso na erradicação da pobreza, no fortalecimento da paz e na garantia de uma vida de dignidade e oportunidade para todos”, acrescentou o chefe da ONU.

    Ainda bem que tudos os problemas socioambientais existentes na Terra até a assinatura desse acordo estão devidamente resolvidos, e nenguém terá motivos para reclamar de alguma coisa.

    Viveremos, a partir de agora, em um planeta pacífico, abundante e em total equilíbrio, onde todas as espécies vivas terão para viverem, se reproduzirem e serem felizes.

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Comentários encerrados.

Top