Pedido de prioridade ao CNJ para julgamento de ação contra barragem em Minas Gerais

 

O NÚCLEO DE ASSESSORIA ÀS COMUNIDADES ATINGIDAS POR BARRAGENS (NACAB) fez pedido ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) requerendo a adesão ao PEDIDO DE PROVIDÊNCIAS nº 0005235-89.2011.2.00.0000 feito pela promotora de Justiça no Mato Grosso Audrey Ility ao qual o Ministério Público Federal do Pará aderiu ( http://www.ecodebate.com.br/2011/10/14/hidreletricas-mp-vai-ao-cnj-para-evitar-que-julgamentos-so-ocorram-quando-danos-sao-irreversiveis/) com o fim de conferir prioridade no andamento da Ação Civil Pública (autos nº 0808440-89.2009.8.13.0521) em trâmite na 1ª Vara Cível da comarca de Ponte Nova/MG.

Esta ação visa a suspensão/anulação dos efeitos da licença prévia e do processo de licenciamento ambiental da Pequena Central Hidrelétrica Nova Brito que pode vir a ser construída a montante da cidade de Ponte Nova/MG.

A Licença prévia da PCH Nova Brito, que considera ambientalmente viável o empreendimento, mostrou-se objeto de vários questionamentos. Entre eles destaca-se:

* a licença prévia foi editada sem o precedente estudo dos impactos cumulativos e sinérgicos a serem feitos considerando o conjunto de empreendimentos previstos de serem instalados na Bacia do Rio Piranga;

* O ato de concessão da licença prévia declarou de maneira indireta a inconstitucionalidade da Lei municipal nº. 3.225/08 que criou a UNidade de Conservação no rio Piranga. O Estado de Minas Gerais, através do órgão ambiental, desconsiderou a vedação expressa contida nesta lei da construção de usina hidrelétrica, afastando a incidência da norma e autorizando a Licença Prévia da PCH Brito a ser instalada no curso do Rio Piranga.

O NACAB, seguindo a convocação de adesão da promotora de Justiça no Mato Grosso Audrey Ility eo seu reciocínio, sustenta também seu pedido de prioridade no fato de, em não sendo o mesmo atendido, vir a comprometer o julgamento do mérito uma vez que A DEMORA EXCESSIVA PODE OCASIONAR A PERDA DO OBJETO EM FUNÇÃO DA CONSUMAÇÃO DO FATO, qual seja, a construção da PCH Nova Brito. Além disso, é oportuno ressaltar que uma vez concluída a obra não há como se reverter os danos eventualmente causados ao meio ambiente.

Ao final, o NACAB faz os seguintes pedidos ao Conselho Nacional de Justiça:

“A adesão ao pedido de providências de no 0005235-89.2011.2.00.0000, e, conseqüentemente, seja determinado por V. Exª prioridade no julgamento da ação civil pública nº 0808440-89.2009.8.13.0521 por se tratar de processo relativo a hidrelétrica e sob pena de em não sendo o pedido atendido ocorrer perda do objeto da ação que comprometerá o julgamento do mérito e poderá acarretar eventual dano ambiental irreparável.

Caso seja acatado o pedido acima que seja intimado o MM. Juiz da 1ª Vara Cível da comarca de Ponte Nova/MG para que dê prioridade no julgamento da ação civil pública nº 0808440-89.2009.8.13.0521.”

Fonte: Leonardo Pereira Rezende
E-mail: lprezende@hotmail.com
leonardo@magalhaesrezende.com.br
Tel/Fax: (31) 3892 5116 / 3891 5333
Website: www.magalhaesrezende.com.br

EcoDebate, 13/12/2011

[ O conteúdo do EcoDebate é “Copyleft”, podendo ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta clicar no LINK e preencher o formulário de inscrição. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Alexa

Top
Betway Casino Roulette Image Banners
Betway Casino Roulette Image Banners