Código Florestal: Ato em Brasília reúne manifestantes em defesa das florestas

 

Brasília - Manifestantes ocupam a praça dos Três Poderes para protestar contra o Novo Código Florestal, que tramita no Senado Federal. Foto de Anderson Corcino (<a href=

Brasília - Manifestantes ocupam a praça dos Três Poderes para protestar contra o Novo Código Florestal, que tramita no Senado Federal. Foto de Anderson Corcino (<a href=
Brasília – Manifestantes ocupam a praça dos Três Poderes para protestar contra o Novo Código Florestal, que tramita no Senado Federal. Foto de Anderson Corcino (http://www.andersoncorcino.net/) / Comitê em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável

[Por Jaime Gesisky, para o EcoDebate] Em evento do Comitê em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável, manifestantes levam 1,5 milhão de assinaturas à Presidência da República para evitar que o novo Código Florestal amplie o desmatamento

Cerca de 1,5 mil manifestantes reunidos nesta terça-feira (29) em frente ao Palácio do Planalto em Brasília fizeram um apelo à presidente Dilma Rousseff. Eles querem que ela cumpra sua promessa de campanha para impedir que o novo Código Florestal possa significar o aumento do desmatamento no País. A manifestação foi organizada pelo Comitê em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável.

Participaram do ato representantes de movimentos sociais, ambientalistas, políticos, universitários e artistas com a cantora Vanessa da Mata, o ator Victor Fasano e Sandra Peres, da dupla Palavra Cantada. Um grupo de cerca de 600 crianças vestidas de verde segurava uma faixa que dizia: “Dilma, salve as nossas florestas e proteja o nosso futuro”. As crianças cantaram ao lado de Sandra Peres e soltaram balões verdes biodegradáveis simbolizando a proteção às matas.

Logo após o ato, representantes do Comitê entregaram cerca de 1,5 milhão de assinaturas ao ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho. As assinaturas foram recolhidas por meio de abaixo-assinados do Comitê Brasil em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável e da petição online da AVAAZ.

Ao receber os membros do Comitê, o ministro chegou a afirmar que “a presidente tem um estilo próprio, que é o de não faltar com a palavra” – referindo-se à promessa de campanha de Dilma no segundo turno de que vetaria os artigos do Código Florestal que pudessem significar a anistia aos desmatadores, redução de áreas protegidas em propriedades privadas e ampliação do desmatamento.

Os membros do Comitê seriam recebidos pelo presidente do Senado, José Sarney, no final da tarde de hoje para a entrega das assinaturas.

Brasília - Manifestantes ocupam a praça dos Três Poderes para protestar contra o Novo Código Florestal, que tramita no Senado Federal. Foto de Anderson Corcino (<a href=
Brasília – Manifestantes ocupam a praça dos Três Poderes para protestar contra o Novo Código Florestal, que tramita no Senado Federal. Foto de Anderson Corcino (http://www.andersoncorcino.net/) / Comitê em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável

###########

Comitês
Conscientes da gravidade da situação, importantes organizações da sociedade civil se uniram e criaram o Comitê em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento, que atualmente conta com quase 200 integrantes incluindo CNBB, CUT, Via Campesina, OAB, Greenpeace, WWF, ISA, IDS, SOS Mata Atlântica, entre outros. Hoje, há 11 comitês em todo o País.

#florestafazadiferença
Para apoiar o Comitê Brasil em Defesa das Florestas, surgiu o movimento #florestafazadiferenca, que em parceria com o cineasta Fernando Meirelles, mobilizou artistas e especialistas para a gravação de depoimentos sobre o tema, o que vem gerando grande repercussão na mídia digital e impressa. Entre os apoiadores estão Alice Braga, Denise Fraga, Wagner Moura, Gisele Bündchen e Rodrigo Santoro. Os vídeos podem ser acessados no site www.florestafazadiferenca.org.br

Colaboração de Jaime Gesisky, jornalista, para o EcoDebate, 30/11/2011

[ O conteúdo do EcoDebate é “Copyleft”, podendo ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta clicar no LINK e preencher o formulário de inscrição. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Alexa

Um comentário em “Código Florestal: Ato em Brasília reúne manifestantes em defesa das florestas

  1. Vamos tomar emprestado do próprio portal do EcoDebate sua máxima:
    “Compreendemos desenvolvimento sustentável como sendo socialmente justo, economicamente inclusivo e ambientalmente responsável. Se não for assim não é sustentável. Aliás, também não é desenvolvimento. É apenas um processo exploratório, irresponsável e ganancioso, que atende a uma minoria poderosa, rica e politicamente influente.”
    Assinamos abaixo
    paz@conexaovegetariana.org

Comentários encerrados.

Top