Carta Aberta: A Mata do Planalto, Belo Horizonte, pede socorro

A MATA DO PLANALTO PEDE SOCORRO!

CARTA ABERTA ÀS AUTORIDADES MINEIRAS E, EM ESPECIAL, ÀS DE BELO HORIZONTE.

70% de quase nada é NADA!

Como tem sido amplamente divulgado, a Mata do Planalto localizada na região norte de Belo Horizonte, com 300.000 m2, mais de vinte nascentes, 68 espécies de pássaros, inúmeros mamíferos e repteis, com vegetação nativa exuberante, corre o risco de ser destruída para que em seu lugar a Construtora Rossi erga um condomínio com 16 prédios de 15 andares cada um.

É uma falácia afirmar que serão preservados 70% da mata. No fundo, a Mata do Planalto representa, atualmente, menos de 1% da mata original. A sua preservação tem que ser por inteiro. Nenhum empreendimento em seu interior deve ser admitido pela sociedade.

70% de quase nada é NADA!

Em menos de dez anos, cobras, lagartos, gambás, micos serão exterminados pelos seus novos vizinhos que não saberão conviver com espécies tão “exóticas” invadindo o seu condomínio; pássaros, dentre eles tucanos, araras, gaviões, pica paus e bem te vis morrerão por falta de áreas para abrigá-los; nascentes secarão e o pouco de vegetação não resistirá ao primeiro incêndio. Sem falar nas enchentes e mudanças climáticas que certamente resultarão dessa falácia que é a preservação de 70% da mata.

Para nós, 100% de quase nada é TUDO!

Pois bem, senhores e senhoras representantes do povo! Nós, cidadãos, estamos fazendo a nossa parte ao transformar a nossa indignação em ação! Façam uma busca no Google com “Mata do Planalto” e vejam as diversas formas como isso vem acontecendo!

Agora, é a vez de vocês impedirem que a Mata do Planalto seja destruída! E para tal, gostaríamos de dizer-lhes o seguinte:

1)A Justiça pode ser cega, mas não deve ser estúpida sob a ótica do povo.
2)O Legislativo não pode ser subserviente ao Executivo e se o for, por que da sua existência?
3)O Executivo, para o bem da coletividade, deve enxergar além das cifras geradas pelos grandes empreendimentos.

Brevemente, entraremos em contato para saber o que cada um de vocês está fazendo em favor da preservação da Mata do Planalto. Ao final desse contato, inscreveremos cada um de vocês em uma das listas abaixo:
1)Lista das autoridades que são a favor da preservação da Mata do Planalto;
2)Lista das autoridades que são a favor da destruição da Mata do Planalto ou que não se definiram.

Esta é uma causa de Vida ou Morte!

Moradores e Amigos do Planalto e Circunvizinhanças; ACPAD – Associação Comunitária do Planalto e Adjacências; AMACOR – Associação dos Moradores e Amigos do Coração Eucarístico; Associação Comunitária dos moradores da Vila Cloris; ANDEMAS – Associação Nacional de Defesa do Meio Ambiente Sustentável;
Projeto Manuelzão UFMG e outros.

EcoDebate, 09/03/2011


Compartilhar

[ O conteúdo do EcoDebate é “Copyleft”, podendo ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta clicar no LINK e preencher o formulário de inscrição. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Alexa

Um comentário em “Carta Aberta: A Mata do Planalto, Belo Horizonte, pede socorro

  1. Louvável,
    se a humanidade está tão envolvida em tantos projetos, lutas, ONGs etc. contra as agressões a natureza,campanhas de preservações e conscientização. Como é aceitável nós, povo, dono de tudo, porque pagamos e pagamos caro por tudo neste pais, não termos o apoio desses órgãos que trabalham para nós e não vemos nenhuma atuação de nenhum “eleito” que também é humano e vive neste planeta fazer algo de concreto não permitindo mais essa agressão.

Comentários encerrados.

Top