COP 15: Proposta de separar Brasil, China e Índia dos países mais pobres ameaça negociação climática

COP 15

Um documento que circulou ontem (8) pela 15° Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP-15), em Copenhague (Dinamarca), aumentou a desconfiança entre países ricos e em desenvolvimento e pode ameaçar o sucesso das negociações de um novo acordo climático. As informações são da BBC Brasil e da Agência Lusa.

O texto, que teria sido elaborado pela Dinamarca com apoio de líderes americanos e britânicos, aponta a intenção de separar Brasil, China e Índia dos países mais pobres, além de introduzir metas de emissões obrigatórias para esses países. Várias das propostas incluídas no documento indicam um afastamento dos princípios que norteiam o Protocolo de Quioto, hipótese que a delegação brasileira considera “inadmissível”.

O chefe da delegação sudanesa, Lumumba Stanislas Dia Ping, que atualmente preside o G-77, grupo de 130 países em desenvolvimento, considerou a proposta “uma grave violação que ameaça o sucesso do processo negocial de Copenhague”.

As organizações não governamentais também criticam a proposta dinamarquesa, que, segundo elas, deixaria as Nações Unidas à margem do processo de negociação do acordo que deverá complementar o Protocolo de Quioto após 2012.

Matéria da Agência Brasil, publicada pelo EcoDebate, 09/12/2009

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta utilizar o formulário abaixo. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

Participe do grupo Boletim diário EcoDebate
E-mail:
Visitar este grupo

Comentários encerrados.

Top