Casos de cálculo renal crescem 30% no verão

 

saúde

Com as altas temperaturas no verão, a incidência de algumas doenças é maior. Entre elas o cálculo renal. Como a desidratação é frequente, já que no calor transpira-se mais, a urina tende a ficar mais concentrada. Segundo a Sociedade Brasileira de urologia nesses meses de calor os casos de pedra nos rins aumentam 30%, em média. São 150 mil casos no Brasil, por ano.

Por Douglas Arantes*

Principais sintomas: Dores locais: costas, flanco (um lado da parede abdominal), no abdômen, parte lateral do corpo ou testículo

Tipos de dor: aguda, indistinta, súbita no abdômen, forte ou leve

Dores circunstanciais: devido a pedras nos rins, durante a micção ou à noite

No trato urinário: desejo persistente de urinar, micção excessiva, micção frequente ou sangue na urina

No aparelho gastrointestinal: náusea ou vômito

No corpo: calafrios ou suor

Também é comum: sensação de queimação

Tratamentos: O tratamento é feito por meio do uso de fluidos e medicamentos para retenção urinária

O tratamento inclui analgésicos e ingestão de muita água para ajudar a expelir a pedra. Procedimentos médicos podem ser necessários para remover ou quebrar as pedras maiores.

Cuidados médicos: Bicarbonato e Aumento da ingestão de líquidos

Medicamentos: Medicamento para retenção urinária, Anti-inflamatórios não esteroides e Diurético

Procedimento médico: Terapia extracorpórea por ondas de choque, Litotripsia a laser e Litotripsia.

* Com informações e orientações do Dr Lessandro Curcio Gonçalves, Urologista do hospital Federal de Ipanema , vice presidente da Sociedade Brasileira de Urologia RJ, especialista em cirurgia robótica e membro da Associação Americana e Europeia de Urologia.

 

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 07/01/2020

Casos de cálculo renal crescem 30% no verão, in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 7/01/2020, https://www.ecodebate.com.br/2020/01/07/casos-de-calculo-renal-crescem-30-no-verao/.

 

PUBLICIDADE / CONTEÚDO RELACIONADO



 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394,

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Um comentário em “Casos de cálculo renal crescem 30% no verão

Comentários encerrados.

Top