Energia solar é mercado de oportunidades para novos empreendedores no Brasil

Por: Ruy Fontes – Agência #movidos

energia solar

Oferecendo a chance de altos ganhos financeiros, o mercado de venda e instalação de sistemas fotovoltaicos tem atraído novos empreendedores no Brasil.

Instalar placas de energia solar é uma vontade crescente entre os brasileiros para economizar na conta de luz e ficar livre de novos aumentos no preço da energia.

Segundo os dados da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), que controla o número de conexões no país, 2019 já registra o dobro de instalações de 2018.

Assim, este se torna outro ano consecutivo de crescimento acima dos 100% para o segmento de geração distribuída no Brasil desde a sua criação, em 2012.

Com o mercado em expansão, é também cada vez maior o número de empreendedores que buscam faturar com o seu próprio negócio solar.

Para os que optam pela franquia de energia solar, os ganhos ainda podem chegar aos sete dígitos já no primeiro ano de atuação.

O foco de trabalho está venda e instalação dos sistemas, que demandam projeto personalizado para cada residência ou empresa onde serão instalados.

Além destes, os potenciais clientes da tecnologia ainda incluem escolas, hospitais, agronegócios ou qualquer outro estabelecimento alimentado pela rede elétrica.

São mais de 80 milhões deles banhados pela forte radiação solar no país e que podem usá-la para gerar sua própria energia através de placas solares.

Um caso de sucesso no empreendedorismo solar é o do empresário José Guilherme, quem faturou R$16 milhões em 2 anos com sua franquia em Alphaville, na cidade de Barueri – SP.

Formado em administração, José atuava no setor de telecomunicações, mas sempre esteve antenado em novas tecnologias e inovação de mercado.

A vontade de empreender também sempre existiu e, já conhecendo a tecnologia solar e o cenário de crescimento do mercado no Brasil, não pensou duas vezes quando a oportunidade surgiu.

O resultado, ele conta, foi melhor do que jamais havia imaginado, com 17 sistemas vendidos em apenas 4 meses de funcionamento do seu negócio de energia solar.

Casos como este são cada vez mais comum e, segundo estimativa do Sebrae, serão novas 5 mil empresas de energia solar abertas no Brasil até 2020.

A expansão do mercado oferece mais oportunidades do que concorrência, e os novos empreendedores ajudarão a expandir o público da energia solar para 1,35 milhão até 2027, segundo estimativa do Ministério de Minas e Energia (MME).

 

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 13/11/2019

Energia solar é mercado de oportunidades para novos empreendedores no Brasil, in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 13/11/2019, https://www.ecodebate.com.br/2019/11/13/energia-solar-e-mercado-de-oportunidades-para-novos-empreendedores-no-brasil/.

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394,

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Deixe uma resposta

Top