Índice da edição nº 3.094, 2018 [de 16/11/2018]

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   Nigéria: colapso ambiental e fábrica de pobreza? artigo de José Eustáquio Diniz Alves Deslizamento de encosta com vítimas em Niterói: um caso para a justiça, artigo de Álvaro Rodrigues dos Santos Suprimento mundial de água doce pode ser mais limitado do que se pensava anteriormente ANA e Aesa definem regras para uso da água do rio Paraíba e açude de Boqueirão, na PB. Análise de João Suassuna Amazônia: Nova

Nigéria: colapso ambiental e fábrica de pobreza? artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] A Nigéria é a nação mais populosa da África e, atualmente, a sétima com maior número de habitantes do mundo. A população da Nigéria em 2018 está estimada em 195,9 milhões de pessoas, devendo atingir 419 milhões em 2050 (ultrapassando os Estados Unidos e tornando-se a terceira nação mais populosa do mundo) e podendo chegar a 794 milhões de habitantes em 2100, segundo as projeções médias da Divisão de

Deslizamento de encosta com vítimas em Niterói: um caso para a justiça, artigo de Álvaro Rodrigues dos Santos

  Deslizamento de encosta [EcoDebate] Em que pesem os meritórios avanços do meio técnico brasileiro no domínio do conhecimento técnico-científico relativo a deslizamentos de solos e rochas e à elaboração e disponibilização para as administrações públicas de enorme quantidade de eficientes produtos normativos e cartográficos, voltados a uma pronta e correta gestão do problema áreas de risco, muito pouco avançou-se frente ao objetivo real de se reduzir a probabilidade de ocorrência de

Suprimento mundial de água doce pode ser mais limitado do que se pensava anteriormente

  Água doce : Os EUA têm menos água subterrânea fresca do que se pensava anteriormente, de acordo com pesquisa feita por cientistas da UC Santa Barbara Por Harrison Tasoff* A água subterrânea, que tem sido usada para irrigar colheitas, saciar gado e saciar a sede em geral por milhares de anos, continua a ser um recurso vital em todo o mundo. Mas de acordo com pesquisas de Scott Jasechko e Debra Perrone, professores

ANA e Aesa definem regras para uso da água do rio Paraíba e açude de Boqueirão, na PB. Análise de João Suassuna

    No ano de 2000, publiquei no portal da Fundação Joaquim Nabuco, um breve artigo intitulado, “A gerência da torneira”. Nele, dentre outras preocupações, comparei a busca das águas nordestinas, para o atendimento das necessidades humanas, a uma reação em cadeia de uma explosão atômica. Atualmente, a busca empreendida às águas da represa de Boqueirão de Cabaceiras, por 18 municípios do entorno de Campina Grande, bem reflete aquela minha preocupação de

Amazônia: Nova regra de reserva legal pode levar ao aumento do desmatamento de até 15 milhões de hectares de floresta

    Amazônia - Até 15 milhões de hectares de floresta correm o risco de perder sua proteção em razão de artigo que permite aos estados amazônicos reduzirem as reservas legais em terras privadas de 80% para 50% se mais de 65% de seus territórios estiverem protegidos por unidades de conservação ou terras indígenas, aponta estudo Por Elton Alisson, Agência FAPESP Até 15 milhões de hectares de floresta tropical na Amazônia correm o risco

A doença mais comum da próstata não é o câncer. Conheça a Hiperplasia Benigna de Próstata (HPB)

    Câncer de próstata pode atingir 68 mil brasileiros e cerca de 2 milhões de homens podem ter HBP em 2018; Hiperplasia Benigna da Próstata (HBP) atinge cerca de 14 milhões de brasileiros, considerada a doença mais comum da próstata e merece atenção; existem modernos tratamentos disponíveis no país Por Andrea Salmeron Até o final deste ano, o câncer de próstata - segundo tipo mais comum entre os homens - deve atingir 68

Top