Por que apoiamos o desenvolvimento estúpido?

 

Muitas pessoas argumentam que as sociedades devem explorar suas terras e recursos naturais para prosperar.

Mas mesmo que você aceite isso, por que estamos apoiando o “desenvolvimento estúpido” – projetos que destroem e poluem os ecossistemas enquanto apenas perdem dinheiro?

No Bornéu, por exemplo, a pesquisa de Nicola Abrams e seus colegas mostrou que vastas áreas de pântanos costeiros, importantes para o meio ambiente, estão sendo destruídas para plantações de palmeiras de óleo – em áreas de marés onde as palmeiras de óleo morrem rapidamente.

Em uma planície de inundação costeira, já existem cerca de 16 mil hectares de plantações abandonadas.

Os ecossistemas foram destruídos. Dinheiro e trabalho árduo foram desperdiçados.

Mas mesmo o conhecimento mais básico – óbvio a olho nu – teria demonstrado que a terra não era adequada para o óleo de palma.

 

Bornéu - áreas naturais destruídas para plantação de palma de óleo

 

Aqui está outra tragédia em construção:

Através das regiões tropicais úmidas da África, Ásia, Oceania e América Latina, milhares de quilômetros de novas estradas estão sendo arrasados ​​todos os dias em florestas remotas cheias de biodiversidade. 

Algumas dessas estradas estão sendo desenvolvidas em rodovias de pavimentação cara. Mas em apenas alguns anos, muitas dessas novas estradas serão praticamente inúteis.

 

estradas destruídas pelas chuvas

 

O culpado: chuvas tropicais pesadas, danificam as estradas e arrastam seu pavimento base.

A verdade assustadora é que muitos projetos de desenvolvimento que parecem uma boa ideia são mal concebidos e extremamente arriscados.

Não acredita nisso? Assista a este vídeo de dois minutos e veja como a busca de lucros pode desestabilizar uma nação inteira.

Quando se trata de “desenvolvimento estúpido”, há muito mais acontecendo agora do que qualquer um quer admitir.

Fonte:

ALERT

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 24/07/2017

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394,

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Top