Somos todos afrodescendentes, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

 

160921

 

[EcoDebate] O Homo Sapiens (humano sábio) surgiu há cerca de 200 mil anos na parte oriental da África, aproximadamente onde é hoje a Etiópia. Os estudos científicos, com base no DNA, mostram que toda a humanidade atual é descendente destes primeiros pioneiros da raça humana.

Independentemente da cor dos olhos, do tipo cabelo, do tom da pele, dos biótipos, etc., os dados não deixam dúvidas de que as células carregam nos genes herdados deste grupo original que surgiu no nordeste da África.

Por mais de 100 mil anos, o Homo Sapiens viveu e circulou somente no continente africano. Mas por volta de 80 mil anos atrás um pequeno grupo (algo em torno de 500 pessoas) atravessou o mar vermelho no estreito de Bab el Mandeb, que separa os continentes da África (Djibouti) e Ásia (Iêmen na Península Arábica). São atualmente cerca de 30 km de largura.

Mas há 80 mil anos, o nível dos oceanos estava mais baixo (devido à era do gelo) e o estreito de Bab el Mandeb era bem mais curto e mais fácil de ser atravessado. Esta oportunidade histórica não foi desperdiçada por este pequeno número de aventureiros que resolveram deixar o continente-mãe.

Também naquela época o Iêmen e a Península Arábica eram bem mais férteis do que são hoje, o que permitiu que este pequeno grupo pudesse sobreviver e se multiplicar em um meio ambiente rico e hospitaleiro. Desta ?cabeça de ponte? o homo sapiens se espalhou por todos os continentes e povoou o mundo.

O filme ?A Incrível Jornada Humana? (The Incredible Human Journey) é uma série de documentários em cinco episódios, produzido pela BBC e apresentado pela doutora Alice Roberts. Ela explica como surgiu o homo sapiens e como ele conseguiu sair da África. Ela viajou por todo o globo para reconstruiu a incrível história de como os humanos se espalharam pelo mundo após deixarem a África para colonizar o Planeta. Ela mostra como se deu esta longa jornada, na qual os humanos precisaram superar terrenos hostis, condições meteorológicas extremas.

A doutora Alice faz o uso de preciosos artefatos arqueológicos e de novas evidências baseadas em experiências com DNA, para investigar como esta viagem transformou nossos ancestrais africanos para o que somos hoje. O documentário reconstrói essa viagem continente a continente, como mostra a distribuição dos episódios, disponíveis nos links abaixo.

A ciência mostra que humanidade só tem uma raça. Somos todos Homo Sapiens e descendentes deste pequeno grupo que atravessou o estreito de Bab el Mandeb no mar Vermelho. Portanto, em termos de descendência, somos todos originários do continente africano. Somos todos afrodescendentes!

Filme

BBC – The Incredible Human Journey -1 of 5 – Out of Africa

BBC – The Incredible Human Journey – Asia 2 of 5

BBC – The Incredible Human Journey – Europe 3 of 5

BBC – The Incredible Human Journey – Australia 4 of 5

BBC – The Incredible Human Journey – The Americas 5 of 5

 

José Eustáquio Diniz Alves, Colunista do Portal EcoDebate, é Doutor em demografia e professor titular do mestrado e doutorado em População, Território e Estatísticas Públicas da Escola Nacional de Ciências Estatísticas – ENCE/IBGE; Apresenta seus pontos de vista em caráter pessoal. E-mail: jed_alves@yahoo.com.br

 

in EcoDebate, 21/09/2016

Somos todos afrodescendentes, artigo de José Eustáquio Diniz Alves, in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 21/09/2016, https://www.ecodebate.com.br/2016/09/21/somos-todos-afrodescendentes-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/.

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Top