Grupo de médicos cria canal no YouTube para orientar pacientes

 

Grupo de médicos cria canal no YouTube para orientar pacientes

 

O objetivo é dar informações sobre sintomas e que tipo de profissional procurar

Por Marcia Avanza, Rádio USP

Está sentindo algo fora do normal? Não sabe se deve procurar um médico? O Dr. Ajuda é um canal criado por um grupo de médicos formados pela Faculdade de Medicina (FMUSP), que vai responder questões como essas. O objetivo é orientar pacientes que costumam buscar informações na internet. De acordo o urologista Fábio Ortega, um dos criadores do canal, que conversou com a repórter Marcia Avanza, a ideia não é substituir a consulta médica, mas dar orientações qualificadas sobre os sintomas e sobre quais caminhos seguir após as primeiras informações.

Canal do Dr. Ajuda no YouTube
https://www.youtube.com/channel/UC1Nm7gQCcGvgLyVcGTXp-Ww

Acompanhe a entrevista da repórter Marcia Avanza com o urologista Fábio Ortega, da Faculdade de Medicina (FMUSP) da USP.

 

in EcoDebate, 25/08/2016

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Um comentário em “Grupo de médicos cria canal no YouTube para orientar pacientes

Comentários encerrados.

Top