Agora vai … artigo de Efraim Rodrigues

 

cuidando do planeta

 

[EcoDebate] Você se lembra onde estava quando caíram as torres gêmeas ?

Daqui a 1000 anos os alunos de história estarão decorando o 18/06/2015.

Até aqui, a conservação andou de lado. Falamos muito, alguns poucos mudaram seu modo de vida, mas mudança em nível mundial, mensurável não aconteceu. Ao contrário, com a ascensão social de grande contingentes ao redor do mundo, a degradação de recursos naturais só piorou, com casas maiores, carros maiores, mais viagens de avião e maior consumo de carne. Todos querem ser o Grande Gatsby.

Não há artigo ou palestra de ambientalista que não comece com alguma citação da reunião do Rio em 1992. Alguém viu alguma mudança? Eu não. Ainda que nossa consciência global tenha melhorado, e muito, nestes 20 anos, as grandes reuniões são reativas. Elas acontecem porque há um sentimento de que algo precisa feito, mas seu resultado sempre é mais reuniões, documentos e viagens e hotéis para homens de terno.

No dia 18/06/2015 a Igreja Católica manifestou da maneira mais forte possível que não mais crê que o ambiente, entre outras questões terrenas, criariam certa “confusão” para a fé ou para o aprimoramento espiritual. A encíclica deixa claro que cuidar do ambiente é questão de compaixão, os mais pobres sofrem mais as mudanças do clima.

A encíclica também conserta o erro histórico de uma igreja medieval que permitia comprar indulgências. Assim como o dinheiro não inocenta um assassino, não vamos a lugar algum comprando permissões para poluir.

O Papa tem sido também um exemplo de simplicidade, estabelecendo um exemplo de vida com significado em oposição a seu antecessor, mais chegado a sapatinhos vermelhos de marca.

Por centenas de anos acreditamos que o planeta seria o jardim para Adão e Eva se multiplicarem. E neste particular, católicos, judeus, muçulmanos e comunistas se igualaram.

No entanto, a evolução de Darwin reafirma o gênesis, assim como a preocupação com o futuro climático do planeta reafirma a compaixão católica.

Tivemos que esperar a chegada de um líder espiritual com vivência científica em química, literatura e psicologia para conciliar a divergência entre ciência e religião, que só existe mesmo porque interessa.

Jeb Bush, candidato católico à presidente dos EUA, tem sua plataforma eleitoral no descrédito da ciência do clima em favor da “fé”. Seu comitê já está recorrendo ao conceito católico de livre arbítrio para tentar não perder votos. E como ficam as petroleiras e distribuidoras?

Como disse Upton Sinclair; É difícil fazer um homem entender algo, se o seu salário depende dele não entendê-lo. Não será fácil, mas ao menos agora temos um líder à altura do desafio.

PS: Para os que não gostaram da escola ser ainda a mesma daqui a mil anos, lembro que ela já era assim quando a Igreja lançou a bula intercoetera em 1493…

Efraim Rodrigues, Ph.D. (efraim@efraim.com.br), Colunista do Portal EcoDebate, é Doutor pela Universidade de Harvard, Professor Associado de Recursos Naturais da Universidade Estadual de Londrina, consultor do programa FODEPAL da FAO-ONU, JICA e Vale, autor dos livros Biologia da Conservação e Histórias Impublicáveis sobre trabalhos acadêmicos e seus autores e Ecologia da Restauração, finalista do 56º Prêmio Jabuti 2014. Nos fins de semana ajuda escolas do Vale do Paraíba-SP, Brasília-DF, Curitiba e Londrina-PR a transformar lixo de cozinha em adubo orgânico.

 

Publicado no Portal EcoDebate, 19/06/2015

[cite]


[ O conteúdo do EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Alexa

2 comentários em “Agora vai … artigo de Efraim Rodrigues

  1. Parabéns pelo artigo. Realmente pouco mudou, e várias questões ainda não são debatidas, como o gravíssimo problema da superpopulação. Apesar de ser ateu, fico admirado com um papa tão esclarecido (inclusive já tocou no tema da superpopulação, sugerindo que as famílias tivesse no máximo 3 filhos).

    Creio que daqui há alguns séculos, nossa geração será, infelizmente, lembrada nos livros de história, muito mais pelo que destruiu do que pelo que construiu. Assim como lemos horrorizados as barbaridades da idade média, os alunos do futuro lerão horrorizados o que fizemos com o planeta.

  2. No nosso dia a dia, já assistimos horrorizados ao mal que estão a fazer do ambiente no Brasil.

Comentários encerrados.

Top