Edição n° 37 da revista Cidadania & Meio Ambiente está disponível para acesso e/ou download

 

Prezadas(os) Leitoras(es) do EcoDebate e da revista Cidadania & Meio Ambiente

Informamos que a edição n° 37 da revista Cidadania & Meio Ambiente, ISSN 2177-630X, já está disponível para acesso e/ou download na página do Portal EcoDebate.

Capa da edição n° 37
Capa da edição n° 37

Vejam, abaixo, o sumário da edição:

Cuidando das águas:
soluções para melhorar a qualidade dos recursos hídricos
Confira as ações a ser implentadas para prevenir a poluição hídrica, tratar as águas contaminadas e restaurar a saúde de rios, lagos, aquíferos, terras úmidas e estuários. Por Agência Nacional de Águas e PNUMA,

Biodiversidade, mudança climática e pobreza
A biodiversidade – de genes a ecossistemas – está intimamente relacionada ao clima da Terra, à mudança climática e ao empobrecimento do patrimônio natural e humano. Por Hannah Reid e Swiderska Krystyna

Lidar com as mudanças climáticas.
Frente ao desafio do aquecimento global, estará a biodiversidade planetária apta a se adaptar às novas condições ambientais? Saiba quem será capaz de sobreviver.
Por Understanding Evolution – Universidade de Berkely

Crescimento ‘deseconômico’ e insustentabilidade
Para voltar ao estado de equilíbrio, a economia ecológica e o desenvolvimento sustentável exigem a implantação de um urgente estado econômico estacionário. Entrevista com Herman Daly

Consumo: oxigênio do capitalismo
Os atuais consumismo e obsolescência programada que movem a economia acarretam lixo, poluição, destruição do meio ambiente e levam a humanidade a um grave momento de decisão. Por Maurício Gomide Martins

Fome no mundo: um problema político
As estatísticas agrícolas mundiais provam que há alimentos para todos. Mesmo assim, um em cada sete habitantes do planet passa fome. Uma situação politicamente tolerada, e que beneficia quem fatura com a fome. Por Ute Schaeffer

Cerrado: destruição injustificável
Hoje, restam apenas 20% da cobertura da vegetação original do segundo maior bioma brasileiro devido a desmatamento, monoculturas e pecuária, cujos efeitos são devastadores para o presente e o futuro da região. Por José Eustáquio Diniz Alves

Governança Climática e transparência global
Em seu sumário executivo sobre Corrupção Global, a organização Transparency Internacional analisa as ações para impedir práticas que solapam a implantação de uma governança climática planetária eficaz. Por Transparency International

Ameaças ambientais
O substitutivo do Código Florestal ora em gestação contém três importantes contradições que, se passarem pelo crivo do legislativo, causarão sérios estragos socioeconômicos, políticos e ambientais. Por José Eli da Veiga

As edições da revista, na versão on-line, também estão disponíveis, no formato do Acrobat Reader, para livre acesso ou download gratuito na página da revista no EcoDebate.

Desejamos a todas(os) uma proveitosa leitura.

Um abraço fraterno,

Henrique Cortez
coordenador editorial do Portal EcoDebate

EcoDebate, 03/04/2012

[ O conteúdo do EcoDebate é “Copyleft”, podendo ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta clicar no LINK e preencher o formulário de inscrição. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Alexa

2 comentários em “Edição n° 37 da revista Cidadania & Meio Ambiente está disponível para acesso e/ou download

  1. A população humana e a destruição do meio-ambiente, atendendo às determinações do capitalismo, crescem juntas e em ritmo cada vez mais acelerado. Mas essa situação tem prazo menor do que a mais pessimista mente possa imaginar.

    São feitas previsões de populações humanas crescentes, sem limite de prazo.

    E quando gigantescas alterações das condições ambientais, com consequente elevação da temperatura, poluição das terras, das águas e do ar, em níveis muito mais elevados que os atuais, não permitirem que a população humana continue crescendo e faça com que ela se retraia? Ou não chegaremos a esse ponto? Sim, chegaremos. É invitável. A menos que alguma catástrofe antecipe o fim, e interrompa o processo no qual estamos mergulhados, sem condição de escapar.

Comentários encerrados.

Top