EcoDebate: Índice da edição nº 3.234, de 03/07/2019

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   O corte das despesas militares poderia reduzir a pobreza e as emissões de CO2, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Impacto da expansão de terras cultiváveis sobre a biodiversidade é muitas vezes maior do que a intensificação do uso Nota técnica do MPF apresenta críticas ao texto que traz novas regras para licenciamento ambiental Energia solar é investimento de mais de 25 anos em economia na conta de luz Lançado

O corte das despesas militares poderia reduzir a pobreza e as emissões de CO2, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

“Imagine there's no countries It isn't hard to do Nothing to kill or die for And no religion too Imagine all the people living life in peace” John Lennon   O corte das despesas militares poderia reduzir a pobreza e as emissões de CO2 [EcoDebate] O mundo enfrenta dois grandes desafios no século XXI: um, na área social, representado pela alta prevalência da pobreza e das desigualdades sociais; outro, na área ambiental, representado pelas mudanças climáticas decorrentes do

Impacto da expansão de terras cultiváveis sobre a biodiversidade é muitas vezes maior do que a intensificação do uso

  Impacto da expansão de terras cultiváveis sobre a biodiversidade Um novo estudo compara os efeitos da expansão versus intensificação do uso das terras cultiváveis nos mercados agrícolas globais e na biodiversidade, e descobre que a estratégia de expansão representa uma ameaça particularmente séria à biodiversidade nos trópicos. Ludwig-Maximilians-Universität München* A produção agrícola global deve ser aumentada nos próximos anos, a fim de atender à crescente demanda e à mudança nos padrões de consumo.

Nota técnica do MPF apresenta críticas ao texto que traz novas regras para licenciamento ambiental

  Documento foi apresentado em audiência pública na Câmara dos Deputados, realizada nesta terça (2) Arte: Secom/PGR A Câmara de Meio Ambiente e Patrimônio Cultural do Ministério Público Federal (4CCR/MPF) divulgou nesta terça-feira (2) nota técnica sobre Subemenda Substitutiva Global de Plenário que altera as regras de licenciamento ambiental no Brasil e institui a avaliação ambiental estratégica. O documento apresenta uma série de críticas e sugestões ao texto base, em discussão na Câmara

Energia solar é investimento de mais de 25 anos em economia na conta de luz

Por: Ruy Fontes – redator Entre todas as despesas mensais de uma casa ou empresa no Brasil, sem dúvida alguma a conta de luz é a que ficou mais cara para o orçamento dos brasileiros nos últimos anos. Segundo a pesquisa realizada pelo Instituto Ilumina, entre 1995 a 2017, a inflação energética residencial acumulada no país foi de 499%. Já a comercial subiu impressionantes 823%. Ambas ficaram muito acima da inflação oficial do

Lançado na Europa mapa do envenenamento de alimentos por agrotóxicos no Brasil

  Em exposição crônica aos agrotóxicos, brasileiro corre mais risco de morte e desenvolvimento de doenças O atlas de envenenamento foi lançado em Berlim, Alemanha, país que sedia as maiores empresas agroquímicas do mundo: a Bayer/Monsanto (incorporada pelo grupo Bayer) e a Basf, que dominam a produção de toda a cadeia alimentar – sementes, fertilizantes e agrotóxicos Por Ivanir Ferreir, do Jornal da USP Um ousado trabalho de geografia que mapeou o nível de

Onda de calor excepcionalmente intensa estabeleceu novos recordes de temperatura na Europa

    World Meteorological Organization (WMO) Uma onda de calor extraordinariamente precoce e excepcionalmente intensa estabeleceu novos recordes de temperatura na Europa e assegurou que o mês de junho foi o mais quente já registrado no continente, com a temperatura média 2 ° C acima do normal. As altas temperaturas representam uma grande ameaça à saúde das pessoas, à agricultura e ao meio ambiente, mas os relatórios iniciais indicaram que as advertências precoces da

Legalização dos jogos de azar permanece na pauta do Congresso Nacional

    Por Henrique Cortez Os jogos de azar foram proibidos no Brasil em 1946, mas não deixou de ser discutido na sociedade e no Congresso Nacional. Em parte porque é uma proibição em termos, uma vez que os jogos estatizados (loterias, raspadinhas, etc.) e as apostas nas corridas de cavalos são legalizados. A proibição também não eliminou a demanda, que continua apostando nos jogos ilegais, como o jogo do bicho, cassinos clandestinos, máquinas

Top