Motivos e consequências da aceleração da transição religiosa no Brasil, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  Motivos e consequências da aceleração da transição religiosa no Brasil, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Transição religiosa - Todo grande processo de mudança de comportamento de massa gera dúvidas, anseios e medos... “É o momento de a Igreja ocupar a nação. É o momento de a Igreja dizer à nação a que viemos. É o momento de a Igreja governar” (Damares Alves, maio de 2016) [EcoDebate] O jornal Folha de São Paulo

A evangelização dos índios e a transição religiosa entre os povos originários, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O dia 19 de abril é conhecido como o “Dia do Índio”. Mas os indígenas, que chegaram às Américas há cerca de 13 mil anos e se espalharam pelo continente nos milênios seguintes, não têm nada a comemorar. O mundo indígena entrou em colapso após a chegada dos europeus, com Cristóvão Colombo, em 1492, e Pedro Álvares Cabral, em 1500. Os sobreviventes vivem em situação de miséria, discriminação e

Transição Religiosa no Brasil, série de artigos por José Eustáquio Diniz Alves

  Transição Religiosa no Brasil   https://www.ecodebate.com.br/2016/07/25/a-transicao-religiosa-no-brasil-1872-2050-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2017/01/11/uma-projecao-linear-da-transicao-religiosa-no-brasil-1991-2040-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2017/01/18/transicao-religiosa-em-ritmo-acelerado-no-brasil-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2017/04/10/rio-brancoacre-capital-mais-adiantada-na-transicao-religiosa-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2017/05/31/transicao-religiosa-na-america-latina-e-no-brasil-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2017/06/19/transicao-religiosa-na-cidade-de-sao-paulo-1991-2030-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2017/09/06/transicao-religiosa-entre-os-povos-indigenas-no-brasil-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2017/09/13/distribuicao-espacial-da-transicao-religiosa-no-brasil-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2017/12/11/transicao-religiosa-nas-grandes-regioes-do-brasil-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/ https://www.ecodebate.com.br/2018/12/05/transicao-religiosa-catolicos-abaixo-de-50-ate-2022-e-abaixo-do-percentual-de-evangelicos-ate-2032-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-alves/  

Transição Religiosa – Católicos abaixo de 50% até 2022 e abaixo do percentual de evangélicos até 2032, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

Transição religiosa no Brasil [EcoDebate] O Brasil é o maior país católico do mundo e possui mais de 100 milhões de habitantes que se auto declaram católicos (praticantes ou não praticantes). Em termos percentuais, os católicos representavam mais de 90% da população em meados do século XX. Mas este quadro veio mudando rapidamente nas últimas décadas e há 4 tendências claras: As filiações católicas vem caindo em termos relativos durante todas

A transição religiosa nas grandes regiões do Brasil, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] Quinhentos anos após a Reforma Protestante, o quadro religioso está mudando de maneira irreversível na América Latina. O Brasil e suas grandes regiões estão passando por uma acelerada transição religiosa que se manifesta em 4 aspectos: 1) Declínio absoluto e relativo das filiações católicas; 2) Aumento acelerado das filiações evangélicas (com diversificação das denominações e aumento dos evangélicos não institucionalizados); 3) Crescimento lento do percentual das religiões não cristãs; 4) Aumento absoluto e

Distribuição espacial da transição religiosa no Brasil, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  “Eu seria cristão, sem dúvida, se os cristãos o fossem vinte e quatro horas por dia” Mahatma Gandhi     [EcoDebate] A população brasileira vive uma grande transformação no seu perfil religioso. Por um lado, há um aumento da pluralidade religiosa e, por outro, uma tendência de mudança de hegemonia entre católicos e evangélicos. O artigo “Distribuição espacial da transição religiosa no Brasil” (Alves et. al. 2017), publicado na revista acadêmica Tempo Social,

A transição religiosa entre os povos indígenas no Brasil, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O Brasil está passando por uma ampla transição na composição demográfica de suas filiações religiosas, com mudança de hegemonia entre católicos e evangélicos e o aumento da pluralidade, o que se observa para o conjunto da população, mas também entre a população indígena. Existem diversas limitações de dados e de estudos de longo prazo para se compreender com profundidade a dinâmica sociodemográfica dos povos indígenas do Brasil. Se essa afirmativa

A transição religiosa na cidade de São Paulo: 1991-2030, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] São Paulo é a maior cidade do Brasil. O município tem uma população maior do que a grande maioria dos Estados do país. Segundo dados do censo demográfico de 2010, do IBGE, se a cidade de São Paulo fosse uma Unidade da Federação ela ficaria atrás em número de habitantes apenas dos Estados de São Paulo (41.262.199), Minas Gerais (19.597.330), Rio de Janeiro (15.989.929) e Bahia (14.016.906). A população

Transição religiosa e secularização nos Estados Unidos, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] Não apenas a América Latina e o Brasil estão passando por uma transição religiosa e por um processo de aumento da pluralidade. Os Estados Unidos (EUA), de maneira diferente dos seus vizinhos continentais do Sul, também estão passando por uma reconfiguração no seu panorama religioso. Os EUA são o terceiro maior país do mundo em tamanho de população (estão atrás apenas da China e da Índia) e são o maior

A transição religiosa na América Latina e no Brasil, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] A colonização da América, abaixo do Rio Grande, foi marcada pela força do catolicismo que acompanhou o domínio espanhol e português no continente. A América Latina e Caribe (ALC) é a casa de cerca de 425 milhões de católicos – aproximadamente 40% de todos os católicos do mundo. Pela primeira, a Santa Sé tem um Papa de origem latino-americana. Mas a ALC está passando por uma grande transição religiosa que

Rio Branco/Acre: a capital mais adiantada na transição religiosa, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] Depois de 500 anos de predominância católica, o Brasil está passando por uma transição religiosa, com declínio das filiações católicas e aumento das filiações evangélicas, além do aumento do percentual de outras religiões e do percentual de pessoas que se declaram sem religião. Esse fenômeno acontece em todo o território nacional, mas com ritmos diferentes nas regiões, nos estados e nos municípios. A Unidade da Federação com menor percentual de

A transição religiosa em ritmo acelerado no Brasil, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O Instituto Datafolha tem feito pesquisas sobre o perfil religioso da população brasileira. O que estas pesquisas confirmam é aquilo que os censos demográficos mostram com bastante clareza: o Brasil está passando por uma transição religiosa. Os católicos perdem espaço e encolhem ao longo do tempo. Os evangélicos, em suas diferentes denominações, são o grupo que mais cresce. Aumenta as demais denominações não cristãs e o número de pessoas

Uma projeção linear da transição religiosa no Brasil: 1991-2040, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O Brasil está passando por uma grande transformação na sua moldura religiosa. Os católicos continuam como o grupo majoritário, mas perdem espaço em termos absoluto e relativo. Os evangélicos, em sua multiplicidade e diversidade, é o grupo que mais cresce. Mas também tem aumentado as demais denominações não cristãs e o número de pessoas que se declaram sem religião. Isto quer dizer que o Brasil está passando por uma

A transição religiosa no mundo no século XXI, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O mundo vai passar por uma grande transição religiosa no século XXI. As filiações cristãs (católicas + evangélicas), que representavam 31,4% da população mundial em 2010, devem passar para 33,8% em 2100. No mesmo período, as filiações muçulmanas passarão de 23,2% para 34,9%. O ponto de inflexão deve ocorrer em 2070, quando os dois grupos devem ter, cada um, cerca de um terço (32,3%) do total da população mundial,

A transição religiosa no Brasil: 1872-2050, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  [EcoDebate] O Brasil está passando por uma ampla transição na composição demográfica de suas filiações religiosas. Os católicos continuam como o grupo majoritário, mas perdem espaço em termos absoluto e relativo. Os evangélicos, em sua multiplicidade e diversidade, são o grupo que mais cresce. Mas também tem aumentado as demais denominações não cristãs e o número de pessoas que se declaram sem religião. Isto quer dizer que o Brasil está

A transição religiosa no Brasil e no Rio de Janeiro: pluralidade gera pluralidade, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  “Sou católica, de berço. Mas nunca fui carola, nunca fui radical, nada. Estudei em colégio de freiras, e isso até me afastou um pouco da Igreja Católica. Depois é que voltei, naturalmente. Colégio de freiras é difícil. Metem muito medo, é muita culpa, Deus me livre”. Maria Bethânia     [EcoDebate] O catolicismo predominou na América Latina e no Brasil durante cinco séculos, mas nas últimas décadas a região está passando por uma

A transição ecológica para uma sociedade biocentrada, artigo de Leonardo Boff

  A transição ecológica para uma sociedade biocentrada, artigo de Leonardo Boff A travessia para uma sociedade ecologicamente sustentada com uma cultura, uma política e economia compatíveis é a grande utopia viável da humanidade IHU "O grande desafio colocado a todos, a grande interrogação especialmente, aos donos dos grandes conglomerados multinacionais é: Como continuar? Voltar ao que era antes? Recuperar o tempo e os lucros perdidos?", escreve Leonardo Boff, teólogo, filósofo e escritor. Eis o

A transição católica e o crescimento da secularização na América Latina, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O Instituto Latinobarômetro divulgou, em 12 de janeiro de 2018, por ocasião da visita do Papa Francisco ao Chile, um pesquisa sobre as tendências religiosas, especialmente do catolicismo, na América Latina e Caribe (ALC). A América Latina tinha 4 países onde a Igreja Católica possuía uma representação abaixo de 50% da população em 2013 e passou para 7 países, em 2017. No conjunto, o catolicismo está passando de altas

O aumento da pluralidade religiosa no Brasil, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O Brasil está passando por uma grande transformação no quadro das filiações religiosas, que se manifesta em 4 aspectos: Declínio absoluto e relativo das filiações católicas; Aumento acelerado das filiações evangélicas (com diversificação das denominações e aumento dos evangélicos não institucionalizados); Crescimento do percentual das religiões não cristãs; Aumento absoluto e relativo das pessoas que se declaram sem religião. A tabela acima mostra a distribuição das filiações religiosas (entre

O panorama das mudanças religiosas na América Latina, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] Quinhentos anos depois da chegada do catolicismo, com Cristóvão Colombo, em 1492, e com Pedro Álvarez Cabral, em 1500, a América Latina passa por uma grande transformação em seu panorama religioso. David Stoll, em livro publicado em 1990, já perguntava, de maneira um tanto quanto precoce e presciente, se a América Latina estava se tornando evangélica. De fato, os dados ainda não indicavam uma transição religiosa na década de 1980.

Top