EcoDebate: Índice da edição nº 3.319, de 11/11/2019

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   Tragédia de Mariana: Quatro anos de crime e impunidade, artigo de Gilvander Moreira Já ultrapassamos o número de habitantes que o planeta suporta. E agora? artigo de Bruno Versiani dos Anjos A mudança da Califórnia para energia solar e eólica reduziu a dependência de energia hidrelétrica e gás natural Índices de ameaça e pressão de desmatamento em áreas protegidas na Amazônia aumentam 39% em um ano, mostra Imazon No Brasil,

Tragédia de Mariana: Quatro anos de crime e impunidade, artigo de Gilvander Moreira

  Paixão na bacia do ex-rio Doce: crime e impunidade crescem Por Gilvander Moreira1 O dia 05 de novembro de 2015 entrou para a história como o dia do maior crime/tragédia socioambiental da história do Brasil e um dos maiores do mundo: o crime das mineradoras VALE/Samarco/BHP e do Estado acontecido a partir de Bento Rodrigues, no município de Mariana, MG, com o rompimento da barragem de Fundão, que despejou abruptamente 55 milhões

Já ultrapassamos o número de habitantes que o planeta suporta. E agora? artigo de Bruno Versiani dos Anjos

    [EcoDebate] Frente às nada animadoras perspectivas ambientais e climáticas de um planeta futuro, têm sido recorrentes e inúmeros os artigos e discursos que pregam mudanças nos hábitos de consumo, mudanças em matrizes energéticas e a própria mudança no padrão de crescimento econômico do regime capitalista. Por outro lado se vislumbra justamente o contrário na prática: países superpopulosos, como Índia e China, entre outros, levando contingentes humanos da ordem de dezenas

A mudança da Califórnia para energia solar e eólica reduziu a dependência de energia hidrelétrica e gás natural

  Os parques eólicos e solares estão surgindo em toda parte para reduzir as emissões de carbono. E essas energias renováveis também têm outro efeito importante: manter mais água no solo. Woodrow Wilson School* Um novo estudo da Nature Communications, liderado pela Universidade de Princeton, está entre os primeiros a mostrar que a energia solar e eólica não apenas melhora a resiliência à seca, mas também ajuda na sustentabilidade das águas subterrâneas. Usando a

Índices de ameaça e pressão de desmatamento em áreas protegidas na Amazônia aumentam 39% em um ano, mostra Imazon

  Relatório anual feito pelo Imazon mostra as áreas de proteção da Amazônia que mais sofrem ameaça e pressão de desmatamento. Reserva Extrativista Chico Mendes, no Acre, está entre no topo do ranking Por Stefânia Costa De agosto de 2018 a julho deste ano, o Sistema de Alerta de Desmatamento do Imazon detectou um total de 5.054 km² de desmatamento na Amazônia Legal. Um novo estudo divulgado pelo instituto, que cruza esses dados

No Brasil, em 2018, foram geradas 79 milhões de toneladas de resíduos sólidos urbanos

  Brasil gera 79 milhões de toneladas de resíduos sólidos por ano No Brasil, em 2018, foram geradas 79 milhões de toneladas de resíduos sólidos urbanos, um aumento de pouco menos de 1% em relação ao ano anterior. Desse montante, 92% (72,7 milhões) foram coletados - uma alta de 1,66% em comparação a 2017, o que mostra que a coleta aumentou num ritmo um pouco maior que a geração. Apesar disso, 6,3

MPF recomenda ao governo do Pará que suspenda todos os licenciamentos na Volta Grande do Xingu

  Documento enviado a Helder Barbalho menciona rompimentos de barragens de mineração e pareceres que atestam riscos muito altos no projeto da mineradora canadense Belo Sun   Mapa: Instituto Socioambiental (ISA)   O Ministério Público Federal (MPF) enviou hoje uma recomendação ao governador do Pará, Helder Barbalho, e ao secretário estadual de meio ambiente, Mauro Ó de Almeida, para que sejam suspensos todos os processos de licenciamento ambiental de atividades com significativo potencial de degradação

A crise climática é mais grave e urgente do que dizem os meios de comunicação e os cientistas

  IHU “Para evitar ser rotulados como alarmistas ou partidaristas, os cientistas tendem a endossar posições de consenso que são inevitavelmente o denominador comum entre diagnósticos distintos da crise. Esse consenso acaba subestimando a gravidade da situação”, escreve César Rodríguez Garavito, advogado e sociólogo colombiano, defensor dos direitos humanos, em artigo publicado por El Espectador, 08-11-2019. A tradução é do Cepat. Eis o artigo. Alguns leitores me perguntaram por que estou insistindo na crise climática nesta coluna. Agradeço a observação e, no

Top