Índice da edição nº 2.952, 2018 [de 02/04/2018]

    A redução da fome no mundo e o futuro de insegurança alimentar, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Febre amarela, uma ameaça à saúde pública e uma tragédia ambiental, artigo Sérgio Lucena Vazamento de rejeitos da mineradora Hydro Alunorte: Relatório denuncia contaminação de rios e igarapés por metais tóxicos no Pará Ação humana, em terrenos urbanos com declives e encostas, é a maior causa de deslizamentos Agromitômetro: mitos, fatos e

A redução da fome no mundo e o futuro de insegurança alimentar, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  “De pé ó vítimas da fome; De pé famélicos da terra” Hino da Internacional Socialista   [EcoDebate] A letra do hino “A Internacional” foi composta em 1871, por Eugène Pottier (1816-1887), que havia sido um dos membros da Comuna de Paris. Os primeiros versos do hino diz: “De pé ó vítimas da fome; De pé famélicos da terra”. Estes versos refletiam a situação daquele momento. A carência de alimentos era uma realidade que

Febre amarela, uma ameaça à saúde pública e uma tragédia ambiental, artigo Sérgio Lucena

    [EcoDebate] A febre amarela é provocada por um vírus que foi trazido da África há, pelo menos, três séculos. O vírus, adaptado a primatas (macacos e humanos) é transmitido exclusivamente por algumas espécies de mosquitos. A doença não é transmitida de um ser humano para o outro, do macaco para o homem, ou vice-versa. A maioria das pessoas é resistente ao vírus e, se infectadas, apresentam eventualmente sintomas brandos. Entretanto, pessoas

Vazamento de rejeitos da mineradora Hydro Alunorte: Relatório denuncia contaminação de rios e igarapés por metais tóxicos no Pará

    Por Renata Martins, da Radioagência Nacional Pelo menos nove rios e igarapés do Pará estão com níveis de metais tóxicos acima do permitido, após vazamento em depósito de rejeitos tóxicos de mineradora em Barcarena.   http://audios.ebc.com.br/a0/a0bf97a0a86edb9911351d5e673d73a1.mp3   A informação consta no segundo relatório técnico do Instituto Evandro Chagas sobre denúncia de impactos ambientais e riscos à saúde humana nas atividades de processamento de bauxita da empresa Hydro, divulgado nesta quarta-feira. O resultado dessa contaminação é água

Ação humana, em terrenos urbanos com declives e encostas, é a maior causa de deslizamentos

    Agência FAPESP De acordo com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), as alterações no meio ambiente provocadas pela ação humana, em terrenos urbanos com declives e encostas, foram as principais causas que provocaram deslizamentos no município de Campos do Jordão em 2000. A conclusão é de um trabalho realizado por pesquisadores do Cemaden, publicado na Natural Hazards and Earth System Sciences. Os autores são Rodolfo Mendes, Márcio Roberto Andrade, Javier

Agromitômetro: mitos, fatos e mentiras nos argumentos ruralistas sobre licenciamento ambiental

  IHU A Frente Parlamentar da Agropecuária, vulgo bancada ruralista, divulgou na semana passada um posicionamento público sobre licenciamento ambiental. Submetemos o documento ao nosso detector de agrocascatas para avaliar o que é verdade e o que não é. A reportagem é publicada por Observatório do Clima, 19-03-2018. “As licenças ambientais chegam a custar 27% do custo (sic) dos empreendimentos. Muitas vezes inviabiliza (sic) a atividade.” Há controvérsias – A cifra usada pela FPA vem possivelmente de um editorial publicado num site voltado a advogados,

8 mitos sobre a gripe que os pais podem parar de acreditar agora mesmo!

    Por Márcia Wirth Embora as doenças sejam uma parte natural da infância - o sistema imunológico deve aprender a combater as infecções - a gripe pode ser um problema sério Neste ano, a temporada de gripe, nos EUA, já causou a morte de  60 crianças. Uma das razões pelas quais a temporada de gripe 2017-2018 está fora de controle é que a vacina contra a gripe deste ano é menos efetiva, devido

Pediatra da Fiocruz fala sobre perigos da amamentação cruzada e aconselha mães com problemas para amamentar

    Por Nara Boechat (IFF/Fiocruz) Contraindicada formalmente pelo Ministério da Saúde e Organização Mundial da Saúde (OMS), a amamentação cruzada, ou amamentação com amas-de-leite, como é conhecida a prática, traz diversos riscos ao bebê, podendo transmitir doenças infectocontagiosas, como, por exemplo, a Aids. Apesar disso, ainda é possível encontrar mães amamentando filhos de outras mulheres que apresentam alguma dificuldade com o aleitamento. Na entrevista a seguir, a pediatra do Banco de Leite

Top