Índice da edição nº 2.949, 2018 [de 26/03/2018]

    O catolicismo está morrendo na Europa? artigo de José Eustáquio Diniz Alves A solução da água no Amapá pode vir da redução das perdas, artigo de Adrimauro Gemaque Menos de 45% do esgoto é tratado no Brasil - Investimentos em saneamento caem e meta de universalização fica cada vez mais longe Em São Paulo, projeto no interior do estado consegue reduzir consumo de água em até 40% no cultivo de alimentos Relatório Mundial das

O catolicismo está morrendo na Europa? artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate]O Cristianismo vive um momento crítico nos países que dividem o mesmo território continental com o Vaticano. Tudo indica que a Europa caminha para uma sociedade pós-católica e pós-cristã, pois os jovens estão abandonando a religião. Dados do relatório “Europe’s Young Adults and Religion” (Bullivant, 2018) indicam que a maioria das pessoas da geração do milênio, em 22 países selecionados, não segue nenhuma religião. A pesquisa com jovens de 16 a

A solução da água no Amapá pode vir da redução das perdas, artigo de Adrimauro Gemaque

  [EcoDebate] A Lei nº 11.445/2007 que trata do Saneamento Básico no país, um direito que é assegurado pela Constituição Federal, foi sancionada em 5 de janeiro de 2007. Esta lei que ficou conhecida como a Lei do Saneamento Básico, estabelece os fundamentos legais para um conjunto de serviços como o de abastecimento público de água potável; coleta, tratamento e disposição final adequada dos esgotos sanitários; drenagem e manejo das águas

Menos de 45% do esgoto é tratado no Brasil – Investimentos em saneamento caem e meta de universalização fica cada vez mais longe

  Reportagem, Cristiano Carlos, Agência Rádio Mais O Plano Nacional de Saneamento Básico prevê a universalização do tratamento do esgoto e da distribuição de água potável até o ano de 2033, em todo país. A meta do governo Federal é de investir 300 bilhões de reais para que isso ocorra no prazo previsto pelo plano. Porém, dados do Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal, o SIAFI, mostram que houve redução de

Em São Paulo, projeto no interior do estado consegue reduzir consumo de água em até 40% no cultivo de alimentos

  Agricultura familiar representa 88% das propriedades rurais no estado Por Victor Fernandes, Agência Rádio Mais Consumido em todo o mundo, o suco de laranja é um dos principais itens produzidos no Brasil. Entre julho e dezembro do ano passado, que corresponde aos seis primeiros meses da safra 2017/2018, foram exportadas mais de 584 toneladas de suco concentrado, um aumento de 23% em comparação com o mesmo período da safra anterior. A receita alcançou

Relatório Mundial das Nações Unidas sobre Desenvolvimento dos Recursos Hídricos 2018

  UNESCO © UNESCO O Relatório Mundial das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento dos Recursos Hídricos (World Water Development Report – WWDR), é publicado anualmente com foco em diversas questões estratégicas sobre os recursos hídricos. É uma revisão abrangente que oferece um quadro geral do estado dos recursos de água potável no mundo, e visa a fornecer a tomadores de decisão as ferramentas sustentáveis a serem utilizadas para nossa água. Por meio de

Com o desmonte do licenciamento ambiental projetos serão implantados ‘a fórceps’

  Com o fim do licenciamento ambiental projetos serão implantados a fórceps. Entrevista especial com Rafael Giovanelli e Michel Santos IHU Apesar de a Constituição de 88 ter elevado “o direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado ao patamar de direito humano fundamental” e determinar o licenciamento prévio de empreendimentos que podem causar degradação ambiental, “até hoje, a lei que deveria disciplinar o licenciamento ambiental não foi produzida”, informam Rafael Giovanelli e Michel Santos, integrantes do WWF Brasil à IHU On-Line, na entrevista a seguir, concedida por e-mail. Segundo

Geração nem-nem – Jovens que não estudam nem trabalham: escolha ou falta de opções?

  ONU Novo estudo do Banco Mundial ouve brasileiros fora da escola e do mercado de trabalho e conclui que eles estão presos em barreiras relacionadas à pobreza e ao gênero. Entrevistador: Se tu pudesse escolher, como seria a tua vida daqui a dez anos? Entrevistada: Acho que a mesma. (Risos) Entrevistador: Em relação a trabalho, o que que tu pensa? Tu queria tá trabalhando, não queria ou não importa? Entrevistada: Não, tá bom mermo do

Top