nº 2.596, 2016 [25/08/2016]

    Contaminação da biodiversidade por transgênicos, Parte 3/6, artigo de Roberto Naime UTI ambiental: programa Novo Chico para o Velho Chico, artigo de Osvaldo Ferreira Valente Brasil registra 65% a mais de queimadas em 2016 No Pará, a guerra secreta pela bauxita Vivemos uma 'ordem de guerra contra a Terra'. Entrevista com Vandana Shiva Físico explica por que ação humana é decisiva na atual era geológica, o Antropoceno No Brasil, negros morrem 2,6 vezes mais que os

Contaminação da biodiversidade por transgênicos, Parte 3/6, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] NODARI et. al. (2010) registram que no Brasil, a estratégia voltada à conservação “on farm” vem sendo implementada aos poucos por meio de uma ampla rede de ações dirigidas à manutenção de recursos genéticos na propriedade rural, particularmente aqueles de interesse agrícola, a chamada agrobiodiversidade. Essas ações contam com uma efetiva participação de movimentos e organizações sociais, onde a ênfase é dirigida para o resgate, conservação de variedades crioulas ou

UTI ambiental: programa Novo Chico para o Velho Chico, artigo de Osvaldo Ferreira Valente

    [EcoDebate] A série ‘UTI ambiental’ já estava ficando esquecida aqui no Portal do EcoDebate, mas garanto que não está desativada e reaparecerá sempre que necessário para enquadrar algum assunto, como no presente, em que o paciente já anda internado há muito tempo e permanece em estado crítico. Trata-se do nosso Rio São Francisco, que por estar vendo as veias (cursos d’água formadores) do seu corpo (bacia hidrográfica) secando, corre sério

Brasil registra 65% a mais de queimadas em 2016

  Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou mais de 53 mil focos de incêndio neste ano no território brasileiro     Desde o início do ano até o dia 5 de agosto, foram registrados mais de 53 mil focos de queimadas e incêndios florestais no País. O número representa um aumento de 65% em relação ao mesmo período do ano passado. O registro foi feito pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), unidade

No Pará, a guerra secreta pela bauxita

  No Pará, a briga de quilombolas pela posse de terras esbarra em interesses da Mineração Rio do Norte e na postura do Instituto Chico Mendes, investigado pelo Ministério Público por suspeita de negligenciar as comunidades Por Ana Mendes e Tomás Chiaverini para a Agência Pública No meio da Amazônia, encravado no tapete verde-escuro da floresta que recobre o município de Oriximiná, no Pará, existe um aglomerado urbano como nenhum outro. Na vila

Vivemos uma ‘ordem de guerra contra a Terra’. Entrevista com Vandana Shiva

  Vandana Shiva, física, filósofa, ativista ecofeminista, nasceu no vale de Doon, no Himalaia. Seus pais faziam parte do movimento independentista da Índia. Apesar das dificuldades por ser mulher, estudou física e depois filosofia. Nos anos 1970, somou-se ao movimento Chipko, constituído por mulheres que se abraçaram às árvores de uma mata para evitar que fossem cortadas. Em fins dos anos 1980, criou o Movimento Navdanya, para defender as sementes nativas

Físico explica por que ação humana é decisiva na atual era geológica, o Antropoceno

antropoceno

    O físico Paulo Artaxo discutiu a época geológica atual e as tarefas que serão exigidas da ciência Por Marcia Avanza, Rádio USP O professor Paulo Artaxo, titular do Departamento de Física Aplicada do Instituto de Física (IF) da USP, ministrou palestra, ontem quarta-feira (24), sobre o tema Antropoceno: O homem no centro da nova era geológica e suas consequências. Em entrevista à repórter Marcia Avanza, Artaxo explica que o Antropoceno é a

No Brasil, negros morrem 2,6 vezes mais que os brancos por armas de fogo

    Segundo o Mapa da Violência, municípios de Mata de São João, na Bahia, e Murici e Satuba, em Alagoas, têm os os maiores índices de mortes por armas de fogo do país Dados do Mapa da Violência mostram que, enquanto a taxa de homicídios por armas de fogo na região sudeste caiu 41,4% entre 2004 e 2014, na região nordeste o índice dobrou. Segundo o estudo, o crescimento do índice na

Grupo de médicos cria canal no YouTube para orientar pacientes

    O objetivo é dar informações sobre sintomas e que tipo de profissional procurar Por Marcia Avanza, Rádio USP Está sentindo algo fora do normal? Não sabe se deve procurar um médico? O Dr. Ajuda é um canal criado por um grupo de médicos formados pela Faculdade de Medicina (FMUSP), que vai responder questões como essas. O objetivo é orientar pacientes que costumam buscar informações na internet. De acordo o urologista Fábio Ortega,

Top