nº 2.418, 2015 [16/11/2015]

    Da 'corrida do ouro' ao mar de lama, artigo de Montserrat Martins Petróleo, o grande vilão na mudança climática, artigo de Rogério Aparecido Machado Rompimento da barragem de rejeitos da Samarco em Mariana: além de tudo, um clássico exemplo de irresponsabilidade na gestão de riscos, por Álvaro Rodrigues dos Santos Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Baixo Guandu, ES, divulga análise da água do rio Doce Seminário sobre

Da ‘corrida do ouro’ ao mar de lama, artigo de Montserrat Martins

    [EcoDebate] Maior que a da Petrobrás ou do BNDES é a “caixa-preta” da mineração, área que movimenta quase 10% do PIB nacional. O minério brasileiro é cobiçado internacionalmente, a ponto de chineses e japoneses financiarem a construção de ferrovias cuja maior utilidade é o escoamento dos minérios até os portos de onde são levados para os asiáticos e o mundo todo. Essa caixa preta remonta aos tempos do Brasil Colônia mas

Petróleo, o grande vilão na mudança climática, artigo de Rogério Aparecido Machado

petróleo

    [EcoDebate] Especialistas afirmam que temos pouco tempo para mudar hábitos e tentarmos reverter o quadro da mudança climática. Em 2013, a Academia Nacional de Ciências publicou um estudo que explica o porquê muitas cidades ficarão isoladas em algum grau de submersão devido ao aumento no nível do mar. Em contrapartida, também temos estimativa de que até 2020 todos os cantos do planeta já terão sofrido com essas transformações. No último dia

Rompimento da barragem de rejeitos da Samarco em Mariana: além de tudo, um clássico exemplo de irresponsabilidade na gestão de riscos, por Álvaro Rodrigues dos Santos

    Não resta dúvida da determinante participação de inaceitáveis descuidos com fatores de ordem hidráulica e geotécnica entre as causas essenciais do rompimento de duas barragens de rejeito da SAMARCO (Vale + BHP Billiton) no município de Mariana – MG, e que vai tragicamente se consagrando como uma dos mais graves e letais desastres em obras da engenharia brasileira. No entanto, há um fator importantíssimo que não vem sendo considerado, que se

Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Baixo Guandu, ES, divulga análise da água do rio Doce

    O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Baixo Guandu divulgou o resultado da análise, feita pelo laboratório Tommasi, da água coletada em três pontos diferentes ao longo do rio Doce, na última terça-feira (10). A primeira coleta, feita na altura do município de Galileia (MG), mostrou uma água de transparência límpida. A segunda foi feita a 10 quilômetros de Governador Valadares, já com aparência turva (suja). No entanto, segundo

Seminário sobre mineração discute rompimento de barragens e mudanças na legislação

  Especialistas da área e membros do MP debateram a questão em meio à polêmica sobre o rompimento das barragens em Minas Gerais     “A atividade minerária é essencial para o crescimento do país, mas temos visto a história se repetir. A mineração deixa grandes passivos no meio ambiente e, por isso, a recuperação deve ser estabelecida no início”. O alerta foi feito pela coordenadora da Câmara de Meio Ambiente e Patrimônio Cultural

PA: MPF recorre para que Vale indenize povos indígenas por danos ambientais e à subsistência física

notícia

    Recurso visa assegurar compensação econômica a comunidades afetadas por atividades da mineradora O Ministério Público Federal (MPF) ajuizou nesta sexta-feira, 13 de novembro, recurso contra decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que suspendeu compensação financeira pela mineradora Vale S/A aos povos indígenas Xikrin e Kayapó, localizados no Pará. O agravo regimental, assinado pelo subprocurador-geral da República Nicolao Dino, foi encaminhado ao presidente daquela Corte, que havia determinado o bloqueio em

Nota Pública da CPT – Assassinatos, ameaças e agressões: o dia a dia de Anapu (PA)

A Diretoria e a Coordenação Executiva Nacional da CPT vêm a público denunciar a grave situação por que passam as famílias dos trabalhadores, de modo especial na Gleba Bacajá, em Anapu, Pará. 10 anos após o assassinato de Irmã Dorothy Stang nesta mesma Gleba, a perseguição às famílias tem atingido índices alarmantes, com assassinatos, ameaças, agressões e destruição de bens.   Esta situação tem se agravado entre julho e a presente

Exploração de mão de obra infantil no Brasil cresceu 4,5% em 2014

    A exploração da mão de obra infantil no país cresceu 4,5% no ano passado em relação a 2013. É o que revela a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2014, divulgada hoje (13) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo a Pnad, em 2013, havia 3,188 milhões de crianças e adolescentes na faixa de 5 a 17 anos de idade trabalhando, e o contingente subiu para 3,331 milhões

Top