Portal EcoDebate: Índice da edição nº 2.322, de 16/06/2015

    Ministério Público e meio ambiente, por Haidê Maria Hupfer, Everton Comoretto e Roberto Naime Entropia e Insustentabilidade: Georgescu-Roegen, o gênio redescoberto, artigo de Bruno Versiani Ônibus de hidrogênio passam a integrar a frota paulista MA: Criação da Resex Chapada Limpa põe fim a conflitos na região Mudanças climáticas podem provocar aumento de 4,3 °C em 2100, alerta AIE Modelo tradicional de vida saudável, dieta mediterrânea está sob ameaça, alerta ONU

Ministério Público e meio ambiente, por Haidê Maria Hupfer, Everton Comoretto e Roberto Naime

Ministério Público e meio ambiente Haidê Maria Hupfer Everton Comoretto Roberto Naime [EcoDebate] O Ministério Público tem a atribuição constitucional de proteger o meio ambiente. Ao praticar esta funcionalidade de tutor do ambiente, são desenvolvidas atividades em três âmbitos do direito, a saber o administrativo, o civil e o penal. Desta forma, o Ministério Público fiscaliza as funções administrativas dos órgãos que fazem parte da administração pública e que trabalham na defesa do meio

Entropia e Insustentabilidade: Georgescu-Roegen, o gênio redescoberto, artigo de Bruno Versiani

  [EcoDebate] Na tentativa de ver o processo econômico como um prolongamento de fenômenos da dimensão biofísica, é inescapável o uso das reflexões de Georgescu-Roegen (1971), servindo-se das leis da termodinâmica. Inescapável, porque o processo econômico significa realização de trabalho no sentido físico: transformação de bens e serviços em outros bens e serviços (Cavalcanti, Economia do Meio Ambiente, 1996). Georgescu-Roegen constitui um daqueles casos de pensadores não devidamente reconhecidos no seu

Ônibus de hidrogênio passam a integrar a frota paulista

  Sem emitir qualquer gás danoso ao meio ambiente, os veículos representam o futuro da mobilidade sustentável no país     do PNUD Um meio de transporte público movido a hidrogênio e que não emite qualquer gás poluente representa a futura geração da mobilidade sustentável. A novidade, já presente nos Estados Unidos, Canadá e Alemanha, acaba de chegar ao Brasil. Na manhã desta segunda-feira, o Estado de São Paulo e parceiros, entre eles o PNUD, colocou

MA: Criação da Resex Chapada Limpa põe fim a conflitos na região

  Chapada teve durante anos conflito entre fazendeiros e camponeses. Há oito anos a área passou a ser de uso das populações tradicionais.   Bacuri, Platonia insignis. Foto de Hellen Perrone / Wikipédia   Uma floresta com árvores frutíferas resiste imponente no coração do cerrado maranhense. O bacurizeiro alcança o teto da mata e se mostra superior em meio a vegetação retorcida de Chapada Limpa, no leste do Maranhão. Este imenso pomar selvagem por muito

Mudanças climáticas podem provocar aumento de 4,3 °C em 2100, alerta AIE

  Eventos climáticos extremos serão uma das consequências das mudanças climáticas.   A Agência Internacional de Energia (AIE) declarou nesta segunda-feira (15) que as mudanças climáticas podem provocar um aumento de temperaturas de mais de 4ºC. O órgão fez um apelo para que mais esforços sejam feitos para reduzir as emissões de dióxido de carbono. Em um relatório publicado antes da conferência contra as mudanças climáticas de Paris, em dezembro, a AIE diz que os

Modelo tradicional de vida saudável, dieta mediterrânea está sob ameaça, alerta ONU

  A globalização, os mercados de alimentos e mudanças nos estilos de vida – incluindo os papéis da mulher na sociedade – estão alterando os padrões de consumo no Mediterrâneo.   O foco da dieta mediterrânea em óleo vegetal, cereais, legumes e leguminosas, e consumo moderado de peixe e carne, tem sido associado com a vida longa e saudável. Foto: FAO/Ami Vitale   A região do Mediterrâneo está passando por uma “transição nutricional”, afastando as

Pescadores fazem manifestações pelo Brasil contra decreto do governo que fere direitos da categoria

    O Movimento de Pescadores e Pescadoras Artesanais (MPP), vem se manifestando pelo Brasil contra o Decreto 8425, publicado em 01 de abril pela presidência da república. O MPP está ocupando as superintendências do Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) e as agências do INSS em mais de 10 estados estados e exige a revogação do decreto que interfere na identidade das comunidades pesqueiras e influencia de forma prejudicial na garantia

‘Proposta’ da Construtora Direcional + Governo de MG + PBH para as Ocupações da Izidora. Proposta justa e digna?

    Considerando que o Governo de Minas Gerais, através da Mesa de Negociação com as Ocupações Urbanas e do Campo, e a construtora Direcional - com anuência da Prefeitura de Belo Horizonte, MG - apresentaram uma “proposta de negociação” (?) às lideranças das Brigadas Populares, do MLB e da CPT e às coordenações das Ocupações-comunidades Rosa Leão, Esperança e Vitória, comunidades em franco processo de consolidação da região da Izidora, em

Top