Portal EcoDebate: Índice da edição nº 2.147, de 05/09/2014

    Projeções da população mundial e regiões na hipótese de fecundidade constante, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Podcast: Índice de progresso social na Amazônia é inferior à média nacional Extração ilegal de madeira na Amazônia é marcada por violência, corrupção e impunidade Na Bahia, energia eólica impacta comunidade Sistema de desinfecção permite reusar água na agricultura Projeto de acesso à biodiversidade tranca pauta da Câmara sem previsão de votação A

Projeções da população mundial e regiões na hipótese de fecundidade constante, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] A Divisão de População da ONU atualiza periodicamente 4 projeções para os países, as regiões e o mundo. Além da projeção média, existem as projeções alta e baixa que levam em consideração as perspectivas de queda da fecundidade e aumento da esperança de vida. Para os países e regiões também se considera as projeções sobre migração. Ainda são apresentadas as projeções para o caso das taxas de fecundidade permanecerem

Podcast: Índice de progresso social na Amazônia é inferior à média nacional

    Pesquisador do Imazon fala dos indicadores considerados na pesquisa e explica os fatores relacionados ao baixo desempenho da região. A apresentação é de Beth Begonha.   O programa Amazônia Brasileira recebeu, nesta quarta-feira (03), o pesquisador do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon), Adalberto Veríssimo. O mestre em Ecologia falou aos ouvintes da Rádio Nacional da Amazônia sobre a última pesquisa do instituto que apontou para um índice de

Extração ilegal de madeira na Amazônia é marcada por violência, corrupção e impunidade

  Patrícia Oliveira João Capiberibe (C) acompanha depoimento de Claudelice Silva (D): "Estado é omisso", disse ela     “Crime organizado”, “máfia”, “guerra”, ”madeira lavada com sangue”, o cenário de violência por trás do desmatamento na Amazônia desafia o Estado e foi descrito com esses termos pelos participantes do debate promovido pela Comissão de Direitos Humanos e Participação Legislativa (CDH), nesta quarta-feira (3), e presidido pelo senador João Capiberibe (PSB-AP). Ativistas ameaçados de morte por denunciarem

Na Bahia, energia eólica impacta comunidade

  Iasmin Santana e Allan Lustosa Comunicadores populares da Articulação no Semiárido Brasileiro   O vento é a fonte de energia que mais cresce no Brasil. Entre 2006 e 2013, houve um crescimento de 829% desse setor. Hoje, já são 167 parques eólicos em todo o país, mas 36 deles estão desconectados da rede por falta de linhas de transmissão. Um parque eólico é um espaço, terrestre ou marítimo, onde estão concentrados vários

Sistema de desinfecção permite reusar água na agricultura

  Na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba, o reuso de águas servidos na agricultura tem sido alvo de estudos. Esse tipo de reuso tem grande aceitação, principalmente quando se trata de redução de impactos ao meio ambiente. De acordo com Ana Paula Alves Barreto Damasceno, autora da tese Desinfecção de águas servidas através de tratamento térmico utilizando coletor solar, “essas águas apresentam como vantagem

Projeto de acesso à biodiversidade tranca pauta da Câmara sem previsão de votação

    Texto já recebeu 137 emendas, grande parte delas para incluir regras sobre agricultura e produção de alimentos, temas que não constam da proposta.   Apesar de apelos da comunidade científica e do setor agropecuário, o governo vai manter a urgência constitucional do projeto que atualiza a legislação sobre pesquisa e exploração ao patrimônio genético de plantas e animais e de conhecimentos tradicionais associados (PL 7735/14). O projeto tranca a pauta do Plenário desde

A gestão dos recursos hídricos num período de crise. Entrevista com Pedro Jacobi

  “Os gestores públicos têm de avançar para uma visão de que não se pode simplesmente continuar explorando recursos naturais de forma indiscriminada. Obviamente isso tem a ver com a forma que se consomem os recursos do planeta. Estamos num círculo vicioso e o desafio é sair dele, trazendo para a sociedade a reflexão de que, se os recursos são finitos, ela precisa ser chamada a cuidar desses recursos não apenas

Área de florestas intactas diminuiu 8% em 13 anos e 25% dessa área fica na região amazônica

  Destruição é verificada principalmente em florestas boreais e tropicais. No Brasil, 15 milhões de hectares foram degradados, principalmente na região amazônica. Mais de 104 milhões de hectares de florestas intactas foram perdidos nos últimos treze anos e 25% dessa área fica na região amazônica, que engloba Brasil e países vizinhos. No Brasil, 15 milhões de hectares foram degradados nesse período, afirma um estudo do Greenpeace, em parceira com a

Campanha do ‘Plebiscito Popular pela Constituinte Exclusiva’ ganha as ruas

    Constituinte exclusiva para reforma política ganha as ruas ABr As ruas pediram, Dilma tentou, mas são os movimentos sociais que encampam a bandeira da uma mudança estrutural na política brasileira   Por Bruno Pavan, do Brasil de Fato A série de protestos que foram chama­dos de “Jornadas de junho” em 2013 ain­da é motivo para dezenas de análises. O que começou com um questionamento do transporte público nas capitais, pas­sou por uma solidariedade às vítimas

Racismo, futebol e o livre mercado do ódio, artigo de Silvio Luiz de Almeida

    Os gritos de “macaco” e “preto fedido” dirigidos ao goleiro Aranha, do Santos – um dos poucos goleiros negros nos times de ponta do futebol mundial – colocaram, mais uma vez, o racismo no esporte no centro do debate público. Vítima de ofensas racistas por parte da reincidente torcida do Grêmio, Aranha contou em entrevista concedida após o fim da partida que tentou alertar o árbitro, mas foi ignorado. Na

A Rede TV! está sujeita a multa se veicular conteúdos que atentem contra a dignidade humana

    Rede TV! leva multa se veicular programas com conteúdo degradante - Penalidade está prevista em acordo de 2005 entre a emissora e o MPF. Empresa contestou cláusulas, mas Justiça Federal confirmou vigência dos termos A Rede TV! está sujeita a multa diária de R$ 50 mil caso veicule conteúdos que atentem contra a dignidade humana. Segundo sentença da Justiça Federal, a emissora é obrigada a adotar em toda a programação as

Top