Conheça os principais pontos do relatório do IPCC para reduzir emissões de CO2

 

impactos do aquecimento

 

Estes são os principais pontos do relatório do Painel Intergovernamental de Especialistas sobre Mudança Climática (IPCC) divulgado neste domingo. Matéria da AFP, no UOL Notícias.

Principais conclusões

-Não é tarde demais para alcançar o objetivo da ONU de limitar a 2ºC no aumento da temperatura média do planeta, em relação aos níveis anteriores à era industrial.

-Para ‘provavelmente’ conseguir essa meta (probabilidade de 66%), o nível de gases de efeito estufa na atmosfera antes de 2100 não pode ser superior a 450 ppm (partículas de CO2 por milhão).

-Se nada for feito até 2030, as medidas serão mais duras e mais caras na segunda metade do século.

-Seguindo o número atual de emissões, a temperatura média aumentará entre 3,7ºC e 4,8ºC até 2100.

Custos

-Para imitar o nível de gases do efeito estufa a 450 ppm, será necessária uma mudança radical no modelo de produção e consumo de energia, diminuindo entre 40% e 70% as emissões até 2050.

-Isso significa “triplicar ou quase quadruplicar” a porcentagem de fontes energéticas limpas ou nucleares, e uma diminuição de 0,06% no consumo energético mundial.

-Para alcançar níveis entre 450 e 530 ppm até 2100 são precisos investimentos de 147 bilhões de dólares em fontes alternativas de eletricidade no período entre 2010 e 2029.

-Ao mesmo tempo, será necessário reduzir em 30 bilhões de dólares os investimentos anuais em tecnologias de combustíveis fósseis.

-Os investimentos em transportes, prédios e indústria com eficiência energética devem incrementar em 336 bilhões de dólares ao ano.

Opções

Para o transporte:

-melhorar a eficiência energética

-investir em infraestruturas com pouca emissão de C02

-incentivar o transporte em bicicleta e a pé

Para a construção:

-renovar edifícios

-aplicar medidas de eficiência energética em novos edifícios

Para a indústria:

-mais eficiência

-reduzir as perdas de hidrofluorcarbonos (HFCs) em refrigeradores e ares-condicionados

-reciclar materiais

Para a agricultura e a exploração florestal:

-reduzir a eliminação de bosques que limitam o efeito estufa

-plantar novas florestas

-limitar os biocombustíveis, que podem por em perigo os ecossistemas e a vida humana

Para a planificação urbana:

-a população urbana vai duplicar antes de 2050, o que pode ser aproveitado para incentivar a eficiência energética nos transportes e edifícios

Para o consumo:

-incentivar uma mudança de comportamento do consumidor

-reduzir o desperdícios de alimentos.

EcoDebate, 15/04/2014


[ O conteúdo do EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta clicar no LINK e preencher o formulário de inscrição. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Alexa

Top