Portal EcoDebate: Índice da edição nº 2.007, de 31/01/2014

    Futebol: esporte ou ópio do povo na sociedade do espetáculo? artigo de José Eustáquio Diniz Alves Democracia Capitalista, o que é isso? artigo de Valdeci Silva Lançado livro sobre hidrelétricas na América Latina Substâncias tóxicas na confecção de roupas: Os monstros no seu armário. Entrevista com Luiz Jacques Saldanha Renda dos negros cresce, mas não chega a 60% da dos brancos Novo estudo indica que antioxidantes não contribuem no combate

Futebol: esporte ou ópio do povo na sociedade do espetáculo? artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] A ideia da realização da Copa do Mundo de 2014 no Brasil foi apoiada pelos políticos e pelas grandes empresas - de olho nos grandes negócios - e pelas mídias que adoram os retornos econômicos do espetáculo futebolístico. Mas depois da “Copa das Mobilizações”, de 2013, o uso do futebol como “circo romano” foi colocado em xeque e os jogos tem funcionado como catalisadores das manifestações populares. Na verdade, no

Democracia Capitalista, o que é isso? artigo de Valdeci Silva

    [EcoDebate] Ter direito de votar, a partir dos 16 anos de idade, e ser votado para ocupar os cargos dos poderes executivo e legislativo, a partir dos 18 anos de idade, sem qualquer preparação para o exercício dessas funções... É isso que é a democracia capitalista, é somente isso? Criar uma infinidade de Partidos Políticos – atualmente existem mais de 30 – a maioria com objetivos, politicamente, escusos... É isso que

Lançado livro sobre hidrelétricas na América Latina

  Publicação é resultado de debates entre procuradores de diversos países da região Felício Pontes Júnior, um dos autores da obra Arquivo Beth Begonha O procurador do Ministério Público Federal no Pará Felício Pontes Júnior, um dos autores da obra sobre hidrelétricas na América Latina, é o entrevistado desta quinta-feira (30) do Amazônia Brasileira. Ele fala sobre o livro, lançado por membros do Ministério Público da América Latina e pesquisadores, que aborda os

Substâncias tóxicas na confecção de roupas: Os monstros no seu armário. Entrevista com Luiz Jacques Saldanha

  “O Greenpeace está trazendo à luz o engano desta opção industrial, que já teve seu tempo, para mostrar como (o uso de partículas artificiais) vem destruindo a vida em todos os ecossistemas”, afirma o ambientalista. Em julho de 2011, quando o Greenpeace lançou a campanha Detox, 18 grandes empresas do setor de vestuário comprometeram-se em diminuir a presença de substâncias tóxicas identificadas em suas peças. Tais partículas, frequentemente disruptores endócrinos, são

Renda dos negros cresce, mas não chega a 60% da dos brancos

    De 2003 a 2013, a renda da população preta e parda cresceu 51,4%, enquanto a da população branca aumentou 27,8%, divulgou hoje (30) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Apesar disso, a renda dos negros ainda corresponde a apenas 57,4% da dos brancos, percentual maior que os 48,4% de 2003. Nesse período, a renda média geral da pesquisa subiu 29,6%. Enquanto a população de cor branca teve rendimento médio

Novo estudo indica que antioxidantes não contribuem no combate ao câncer

    Os antioxidantes, muito populares nas últimas décadas entre as pessoas preocupadas com a saúde, aceleram a progressão do câncer de pulmão nos ratos e não trazem benefícios para as pessoas saudáveis, diz um artigo [Antioxidants Accelerate Lung Cancer Progression in Mice] publicado nesta quarta-feira pela revista "Science Translational". Matéria da EFE, no Yahoo Notícias, com informações adicionais do EcoDebate. "Os antioxidantes são utilizados amplamente para proteger às células dos danos induzidos

Portal EcoDebate: Índice da edição nº 2.006, de 30/01/2014

    Neutralidade da internet e a decisão judicial americana, artigo de José Rodrigues Filho Jesus de Nazaré: jovem camponês da periferia, mártir e portador de uma pedagogia emancipatória, artigo de Gilvander Luís Moreira O Bacuri do Faz-ânsia, crônica de Mayron Régis 'Na Amazônia, o que ocorreu e continua ocorrendo é um processo de colonização'. Entrevista com Viviane Vidal da Silva Capacitações em boas práticas agrícolas da cultura estimulam produção de cupuaçu

Neutralidade da internet e a decisão judicial americana, artigo de José Rodrigues Filho

    [EcoDebate] Não há dúvidas de que a recente decisão de uma Corte Americana pode quebrar a neutralidade da internet, após julgamento de uma ação judicial movida pela Corporação Verizon contra a Comissão Federal de Comunicações, denominada de FCC, a qual foi aceita pela justiça. Temos que levar em consideração ainda os interesses dos gigantes privados, que buscam caminhos para monetizar e justificar suas presenças no campo da internet. Porém, não

Jesus de Nazaré: jovem camponês da periferia, mártir e portador de uma pedagogia emancipatória, artigo de Gilvander Luís Moreira

    Jesus de Nazaré: jovem camponês da periferia, mártir e portador de uma pedagogia emancipatória. Gilvander Luís Moreira1 “O camponês de Nazaré, nessa luta nos reuniu. Vem conosco caminhar, pela Terra Livre Brasil...” (Hino do 3º Congresso da PJR) “Jovem da roça também tem valor!” (Grito da PJR desde 1985.) 1 - A partir da roça, do campo. Nasci na roça, no campo. Fiz muitos calos nas mãos no cabo da enxada tocando roça à meia

O Bacuri do Faz-ânsia, crônica de Mayron Régis

  Bacuri, Platonia insignis. Foto de Hellen Perrone / Wikipédia   [Territórios Livres do Baixo Parnaíba] Alguns caminhos ficam para trás e sem ter e nem pra quê eles voltam a ser frequentados. O caminho do Brejão ficava atrás do que hoje é a propriedade do Vicente de Paula na Chapada do povoado Carrancas, município de Buriti, Baixo Parnaiba maranhense. A sua avô andava por esse caminho sempre que ia a casa de

‘Na Amazônia, o que ocorreu e continua ocorrendo é um processo de colonização’. Entrevista com Viviane Vidal da Silva

  “Os responsáveis pelos lotes são originários de vários estados do Brasil. No entanto, foi do estado do Paraná que a maior parte dessas pessoas veio, fazendo da região Sul do país a de maior migração para o assentamento [de Matupi]”, afirma a pesquisadora. “É preciso entender o papel da política agrária que acontece no nosso país, pois na Amazônia o que ocorreu e continua ocorrendo é um processo de colonização, por

Top