Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.850, de 06/06/2013

    Clima Conservador, artigo de Efraim Rodrigues Carta de um suicida, crônica de Paulo Sanda Resultado consolidado do PRODES/INPE mostra redução de 29% no desmatamento na Amazônia em 2012 Estudo diz que preservar florestas ajuda a preservar corais A ameaça da expansão do monocultivo de eucalipto no Nordeste Pesticidas contaminam a fronteira agrícola da Amazônia Soluções sustentáveis são levadas cada vez mais em conta pelos brasileiros Energias renováveis não convencionais poderão

Clima Conservador, artigo de Efraim Rodrigues

    [EcoDebate] É compreensível que empresas petrolíferas gastem fortunas em campanhas de desinformação sobre as alterações climáticas. Pode não ser lá muito humano colocar investimentos em combustíveis fósseis acima de bilhões de vidas humanas, mas ao menos é fácil compreender sua motivação. No entanto, tenho dificuldade para entender o que pretendem algumas revistas e jornais que parecem desinformar de propósito, repetidamente. Há duas semanas, a Veja deu duas folhas para a grande novidade

Carta de um suicida, crônica de Paulo Sanda

    [EcoDebate] Será a pulsão de tânatos? Afinal segundo Freud, tenho esta danada pulsão de morte dentro de mim. Mas também há a pulsão de eros, por esta eu deveria ter prazer, buscar o prazer de viver. Aliás isto já quer dizer alguma coisa não? Bom, no berço onde nasci nem sou dos mais velhos, aliás sou um caçula. Mas eu cresci, me desenvolvi e superei todos que vieram antes de mim. Parece que foi ontem,

Resultado consolidado do PRODES/INPE mostra redução de 29% no desmatamento na Amazônia em 2012

  O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE/) concluiu o mapeamento e o cálculo da taxa de desmatamento na Amazônia Legal para o período agosto/2011 a julho/2012, atividades realizadas no âmbito do Projeto de Monitoramento do Desmatamento na Amazônia Legal – PRODES. O resultado final do estudo computou uma taxa de 4.571 km2/ano. Este valor representa a menor taxa de desmatamento registrada na Amazônia Legal desde que o INPE começou a medi-la,

Estudo diz que preservar florestas ajuda a preservar corais

    Conservacionistas que lutam para salvar os corais de áreas costeiras deveriam pensar primeiro em combater o desmatamento local ao invés de atacar o risco mais amplo do aquecimento global, sugere um estudo incomum publicado esta terça-feira. Matéria da AFP, no Yahoo Notícias. Os sedimentos arrastados rio abaixo pela terra desmatada podem enfraquecer corais costeiros e turvar a água, diminuindo a luz da qual dependem as comunidades coralinas. Quando o sedimento se assenta

A ameaça da expansão do monocultivo de eucalipto no Nordeste

    A chapada do Araripe, por tratar-se de uma região elevada, tem uma importância fundamental na manutenção do microclima local, e na hidrologia da região. Pode-se dizer também que é a fonte da biodiversidade em todo o chamado sertão do Araripe Pernambucano. É nessa região que uma aliança público-privada está empenhada em promover o monocultivo de eucalipto como fonte de energia para a fabricação de gesso. Os órgãos públicos envolvidos são

Pesticidas contaminam a fronteira agrícola da Amazônia

  A análise de três diferentes cenários agrícolas permitiu a cientistas brasileiros e do exterior avaliarem os prejuízos que podem ser causados pelo uso equivocado de pesticidas na fronteira agrícola da Amazônia brasileira, bem como apontar possíveis soluções. Uma das constatações se refere às ocasiões em que a frequência recomendada de utilização dos produtos foi excedida, chegando até 96% entre pequenos produtores. De acordo com o coordenador da pesquisa, professor Luís César

Soluções sustentáveis são levadas cada vez mais em conta pelos brasileiros

  Moradores de um edifício residencial em Brasília conseguiram uma economia de mais de R$ 1 mil por mês. Depois de descobrir uma caixa d’água que estava desativada há anos, a síndica do prédio observou a quantidade de água que escorria da calha da cobertura quando chovia e se perdia na rua. “Vi que caía muita água. Como queria fazer um jardim, decidi usar essa água para irrigação”, contou Vanda Maria Ramos.

Energias renováveis não convencionais poderão representar 20% da matriz energética brasileira em 2021

    Energia eólica atravessa ciclo virtuoso - As energias renováveis não convencionais deverão ter uma participação de 20% da matriz energética brasileira em 2021, de acordo com as projeções da Empresa de Pesquisa Energética (EPE). Atualmente, essas fontes de energia alternativas são responsáveis por 14% da matriz, de acordo com Maurício Tolmasquim, presidente da EPE. Nessa categoria, encontra-se a energia gerada em Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH), e aquela originada de biomassa,

Caso São Paulo não tivesse metrô, a economia brasileira perderia R$ 19,3 bilhões por ano

  Estação de metrô. Foto:Marcos Santos/USP Imagens   Cifra poupada, decorrente da maior mobilidade dos trabalhadores e do consequente aumento de produtividade, foi calculada por pesquisadores da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP Além de facilitar a vida das pessoas, o metrô pode dar uma grande contribuição à economia. Caso São Paulo não tivesse metrô, por exemplo, a economia brasileira perderia R$ 19,3 bilhões por ano. Esse valor corresponde a dois terços do

A caminho de outro planeta, por Antonio Luiz M. C. Costa

    "Considere o que significa quando a temperatura do seu corpo sobe de 36,7 graus para 37,5 e depois para 38,7. Essa alta, que é uma média – partes do mundo terão aumentos de até 4 graus –, bastará para provocar mudanças sérias nos regimes de chuvas e ventos e a piora dos furacões, secas e inundações em grandes porções do planeta, além do agravamento da acidificação dos oceanos, que já

Indígenas da ocupação de Belo Monte permanecem em Brasília e se dizem insatisfeitos com proposta de ministro

  Brasília, 04/06/2013 – Cerca de 140 indígenas mundurukus se reúnem com o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, e representantes de outros órgãos do governo para discutir a suspensão de empreendimentos energéticos na Amazônia e outras reivindicações indígenas. Fotos de Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr   Após reunião com ministros, indígenas que ocuparam Belo Monte afirmam não aceitar consulta sobre hidrelétricas como mera formalidade, como entendem proposta do governo   Dois aviões da FAB decolariam

Top