Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.761, de 22/01/2013

    Chacina dos fiscais em Unaí: nove anos depois, justiça à vista? artigo de Gilvander Luís Moreira Procuradoria-Geral da República considera inconstitucionais vários dispositivos do novo Código Florestal Prêmio Mandacaru valoriza tecnologias sociais inovadoras em acesso à água e convivência com o Semiárido Extratos vegetais para combater fungos e pragas agrícolas MPF/SE move mais uma ação para preservar manguezais em Aracaju Ameaça de despejo do Assentamento Milton Santos prejudica produção modelo

Chacina dos fiscais em Unaí: nove anos depois, justiça à vista? artigo de Gilvander Luís Moreira

  Brasília, 28 de Janeiro de 2010 - Auditores fiscais do trabalho fazem manifestação, em frente ao STF, na 1ª Semana Nacional de Combate ao Trabalho Escravo e pedem punição para os acusados da chacina de Unaí (MG) Foto: Antonio Cruz/ABr   Chacina dos fiscais em Unaí: nove anos depois, justiça à vista? Gilvander Luís Moreira1 [EcoDebate] Era dia 28 de janeiro de 2004, 8h20 da manhã, em uma emboscada, cinco jagunços dispararam rajadas de

Procuradoria-Geral da República considera inconstitucionais vários dispositivos do novo Código Florestal

    Procuradoria Geral da República encaminhou ao STF três ADIs que consideram inconstitucionais diversos dispositivos da nova lei A Procuradoria Geral da República (PGR) encaminhou ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta segunda-feira, 21 de janeiro, três ações diretas de inconstitucionalidade (ADIs) que questionam dispositivos da Lei 12.651/2012, o novo Código Florestal. As ações consideram inconstitucional a forma como o novo código trata as áreas de preservação permanentes, a redução da reserva legal,

Prêmio Mandacaru valoriza tecnologias sociais inovadoras em acesso à água e convivência com o Semiárido

    Práticas inovadoras em acesso à água e convivência com o Semiárido serão reconhecidas por meio do Prêmio Mandacaru. A iniciativa prevê apoio financeiro a associações de agricultores familiares, instituições de pesquisa e organizações da sociedade civil para consolidar tecnologias sociais que viabilizem o manejo sustentável da água e da caatinga. O prazo para inscrições foi prorrogado para 22 de fevereiro e os prêmios variam de R$ 5 mil a R$ 150

Extratos vegetais para combater fungos e pragas agrícolas

     Divulgação          Fungo Colletotrichum gloeosporioides: agente causador da antracnose no mamão Ao longo de sua evolução, certas plantas desenvolveram mecanismos de defesa contra o estresse ambiental, o que significa dizer desde a escassez de água até ataques de pragas e a  infecção por fungos e bactérias. Uma dessas estratégias são substâncias, como as produzidas por plantas da família das sapindáceas – conhecidas pela capacidade na síntese das saponinas em suas folhas ou frutos, que produzem espuma

MPF/SE move mais uma ação para preservar manguezais em Aracaju

    Estão sendo processados o município de Aracaju, Emurb, União e Ibama por degradação em manguezal no bairro Bugio O Ministério Público Federal em Sergipe (MPF/SE) está processando o município de Aracaju, a Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), a União e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) por terem permitido a ocupação irregular de área de manguezal no bairro Bugio, em Aracaju. A ação civil

Ameaça de despejo do Assentamento Milton Santos prejudica produção modelo em agroecologia

  Assentamento Milton Santos, referência na produção de alimentos sem veneno, pode ser removido e dar lugar a latifúndio de cana. Moradores e MST defendem que presidenta Dilma Rousseff desaproprie a área Por Guilherme Zocchio, da Agência de Notícias Repórter Brasil Americana (SP) — A produção de alimentos sem agrotóxicos no assentamento Milton Santos, entre os municípios de Americana e Cosmópolis, no interior de São Paulo, está prejudicada e pode ser interrompida. As

Cenários para 2013. Reforma Agrária, da estagnação para a regressão

    A agenda da Reforma Agrária encontra-se estagnada e vem regredindo no governo Dilma Rousseff. Ao longo dos últimos 20 anos, o governo Dilma é o que menos desapropriou imóveis rurais para fazer reforma agrária. Segundo a Comissão Pastoral da Terra (CPT), “no ano de 2012, o Brasil assistiu a Reforma Agrária alcançar os seus piores indicadores em décadas. Enquanto do outro lado, o Agronegócio se consolidou como o modelo preferencial do

Cenários para 2013. Agenda regressiva versus ascenso das lutas sociais

    O ano de 2012 foi regressivo quando olhado sob a perspectiva dos movimentos sociais. Na área social, ambiental, econômica e política, a agenda se fez mais de permanências e retrocessos do que avanços. O ano de 2013 anuncia mais do mesmo. O foco central permanece na economia como meio e fim na estratégia governamental de inclusão social. A concepção do modelo em curso sugere a inclusão via mercado. Já não se

Tragédias associadas a áreas de risco: Leniência e impunidade, artigo de Alberto Sayão

  Nova Friburgo, janeiro de 2011   [O Globo] Classificar como desastres naturais os trágicos acidentes ocorridos em Duque de Caxias, recentemente, e na Região Serrana do Rio de Janeiro, há dois anos, seria tão incorreto e enganoso quanto atribuir a mesma classificação ao acidente com o vazamento de petróleo na Bacia de Campos, no Norte Fluminense, ocorrido em 2011. A reação imediata das autoridades competentes foi, no entanto, bastante diferente nas três

Denúncia de intolerância religiosa cresce mais de 600% em 2012

  Rio de Janeiro, 21/01/2013 - Representantes de várias religiões reúnem-se durante o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, na Cinelândia, centro do Rio, para defender a convivência entre as diferentes religiões e cobrar políticas públicas das autoridades competentes. Foto de Tânia Rêgo/ABr   A quantidade de denúncias de intolerância religiosa recebidas pelo Disque 100 da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República cresceu mais de sete vezes em 2012, quando

Para ministra, agressões a religiões de matriz africana chegou a nível insuportável

  Rio de Janeiro, 21/01/2013 - Representantes de várias religiões reúnem-se durante o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, na Cinelândia, centro do Rio, para defender a convivência entre as diferentes religiões e cobrar políticas públicas das autoridades competentes. Foto de Tânia Rêgo/ABr   A ministra da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), Luiza Bairros, disse ontem (21) que os ataques às religiões de matriz africana chegaram a um

Top