Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.550, de 15/03/2012

  A Amazônia estratégica, artigo de Roberto Naime Câncer no Cérebro, artigo de Efraim Rodrigues Votação do Código Florestal é adiada devido à mudança na liderança do governo Novo líder do governo na Câmara, dep. Arlindo Chinaglia (PT-SP), começa negociar entendimentos sobre Código Florestal No Pará 56 propriedades são notificadas a retirar o gado criado em área desmatada ilegalmente Ibama flagra invasão de madeireiros em floresta manejada em fase de regeneração

A Amazônia estratégica, artigo de Roberto Naime

  [EcoDebate] O Amazonas é um estado brasileiro da região norte. E a Amazônia é uma região que envolve vários estados brasileiros das regiões norte e centro-oeste e que todos nós aprendemos na escola primária como sendo Amazônia Legal. Desde pequenos aprendemos na escola que a Amazônia Legal ou o estado do Amazonas fazem parte do Brasil. No entanto, é válido discutir as várias dimensões e significados que a Amazônia Legal ou

Câncer no Cérebro, artigo de Efraim Rodrigues

  [EcoDebate] Ronald A. Fisher foi um estatístico internacionalmente respeitado. Seu método de Análise de Variância, com 100 anos de idade, continua sendo um padrão experimental. Ronald Fisher, no entanto, publicou vários artigos mostrando que o fumo não causa câncer. Ele era consultor remunerado da indústria do tabaco. Meu querido orientador em Harvard, Otto Solbrig, hoje aposentado, publicou seu primeiro artigo cientifico, em 1945, sobre os benefícios dos inseticidas organoclorados. Na época

Votação do Código Florestal é adiada devido à mudança na liderança do governo

  A mudança no comando das lideranças do governo na Câmara e no Senado adiou, mais uma vez, a votação do novo Código Florestal (PL 1876/99), que estava prevista para esta semana. A reforma foi aprovada pelos deputados em maio de 2011, seguiu para o Senado, e agora a Câmara precisa avaliar as alterações feitas pelos senadores. A nova data de votação da reforma ainda não foi definida. O presidente da Câmara,

Novo líder do governo na Câmara, dep. Arlindo Chinaglia (PT-SP), começa negociar entendimentos sobre Código Florestal

  O novo líder do governo na Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), disse ontem (14) que vai começar a ouvir os segmentos envolvidos com a discussão e votação do Código Florestal para tentar um entendimento em torno do texto a ser levado à votação. “Pela complexidade do tema estou na fase de aferir posições. A partir desse contato, vou falar com o governo para verificar se é possível algum ponto de

No Pará 56 propriedades são notificadas a retirar o gado criado em área desmatada ilegalmente

  O Ibama notificou 56 propriedades a retirar o gado de áreas desmatadas ilegalmente e embargadas anteriormente em seis municípios paraenses: Itaituba, Óbidos, Alenquer, Terra Santa, Altamira e Trairão. Os desmatamentos ilegais ocorreram entre 2009 e 2011 e já havia constatação de criação de animais, mas os proprietários não puderam ser identificados no momento da ação de fiscalização. Essas áreas foram desmatadas sem autorização e não houve construção de infraestrutura. Houve somente

Ibama flagra invasão de madeireiros em floresta manejada em fase de regeneração no MT

  O Ibama interrompeu neste final de semana uma exploração ilegal de madeira em uma floresta com cerca de 1,5 mil hectares em União do Sul, a 140 km de Sinop, no norte do Mato Grosso. Na ação, os agentes ambientais apreenderam três tratores adaptados para o arraste de madeira, uma caminhonete D20 com rádio de comunicação, um caminhão-toreiro, quatro motosserras e 270 m³ de toras recém-derrubadas (o equivalente a onze

Contrabandistas de agrotóxicos são presos na fronteira do Brasil com Uruguai

  Ação está sendo desenvolvida em conjunto entre o Ministério Público Federal e a Polícia Federal Em uma ação conjunta do Ministério Público Federal no Rio Grande do Sul (MPF/RS) com a Polícia Federal, na chamada Operação Boqueirão, estão sendo cumpridos cinco mandados de prisão e quatro de busca e apreensão por determinação da Justiça Federal de Santiago. Eles fazem parte de de uma quadrilha especializada no contrabando, transporte e comércio de

No Dia de Luta contra as Barragens, MAB pede política de Estado para atingidos

  Cerca de 600 militantes do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) fizeram ontem uma marcha pelas ruas do centro do Rio para marcar o Dia Internacional de Luta contra as Barragens. Os manifestantes, de Minas Gerais, São Paulo e de municípios do Rio, estão alojados desde 13/3 em um armazém da região portuária. Eles vão se concentrar, partir das 15h, em frente à Candelária e de lá farão uma caminhada até

Inovações podem tornar carros elétricos mais limpos e independentes de motorização complementar a gasolina

  Aperfeiçoar a tecnologia do carro elétrico, tornando-o 100% limpo e independente de motorização complementar a gasolina, é o objetivo do físico Vinícius Dantas de Araújo, pesquisador do Programa de Pós-Graduação Interunidades em Ciência e Engenharia de Materiais da USP, em São Carlos. Vinícius desenvolve um catalisador que realiza a oxidação do monóxido de carbono (CO), gás que inviabiliza o funcionamento permanente dos eletrodos que transformam hidrogênio em eletricidade, gerando energia para o

Funai: contratos de crédito de carbono entre empresas internacionais e comunidades indígenas são ilegais

  Os contratos que comunidades indígenas assinaram com empresas estrangeiras interessadas em explorar os direitos sobre créditos de carbono, obtidos a partir da preservação da floresta, não tem validade jurídica. É o que garante o presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Márcio Meira. “Não existe, no Brasil, regulamentação sobre [o mecanismo de] Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação [Redd]. Por isso, esses contratos não tem validade jurídica. Consequentemente, todo o

Ministra pede apoio para votar PEC do Trabalho Escravo até 13 de maio

  A ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário, disse nesta quarta-feira ao presidente da Câmara, Marco Maia, que o governo vai trabalhar para votar em segundo turno a PEC do Trabalho Escravo até 13 de maio, dia da Abolição da Escravatura. Marco Maia apoiou a iniciativa. Maria do Rosário disse que o governo está procurando lideranças da bancada ruralista para pedir apoio à proposta, já

Rio+20: ‘Participação da sociedade civil é uma necessidade’, diz ONU

  Em visita ao Brasil, o Coordenador-Executivo da ONU para a Rio+20 se disse otimista quanto aos resultados da Conferência de junho do PNUD   O Coordenador-Executivo da ONU para a Rio+20, Brice Lalonde, acredita que a sociedade civil e as mídias sociais terão um papel fundamental sobre os resultados da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, que acontece em junho, no Rio de Janeiro. Em entrevista ao site do PNUD Brasil, Lalonde reforçou

Governo brasileiro e ONU diluíram agenda da Rio+20, entrevista com Rubens Ricupero

  Para ex-ministro, ausência de metas vem do receio de expor as contradições acerca das questões ambientais. O governo brasileiro é atrasado em matéria de economia verde e, por isso, tem sido cúmplice das Nações Unidas na diluição da agenda da conferência Rio+20. Quem acusa é o embaixador e ex-ministro do Meio Ambiente (1993-1994) Rubens Ricupero.   Um dos principais negociadores brasileiros na Rio-92, Ricupero, coordena um grupo de políticos, intelectuais e cientistas que

Medicamento infantil para tratamento do vírus HIV será testado em humanos ainda este ano

  As crianças brasileiras com até 13 anos que vivem com HIV/Aids terão em breve um antirretroviral infantil, de administração mais simples. O medicamento está sendo desenvolvido há três anos pela Farmanguinhos, unidade técnico-científica da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A previsão é que o medicamento já esteja pronto para fabricação em 2015, mas os testes em humanos devem começar no segundo semestre deste ano, em seis centros de pesquisas nos estados de

Código Florestal: O desastre que se avizinha, artigo de Janete Capiberibe

  [Correio do Brasil] A decisão sobre o futuro das águas, das florestas, da produção agropecuária e da vida nas áreas rurais e urbanas depende do debate travado no Congresso Nacional em torno do Código Florestal. Mas nesta votação, na Câmara dos Deputados, depois da primeira votação em maio do ano passado e do substitutivo aprovado no Senado Federal, os deputados que defendem a segurança ambiental no Brasil têm pouco o

Código Florestal. Tema paradigmático da degradação da agenda socioambiental

  A forma como o governo vem tratando o debate em torno do novo Código Florestal é revelador do pouco compromisso com a questão ambiental. A desfiguração do Código não teria sido possível sem a frouxidão do governo. Segundo as organizações ambientalistas “a iminente votação de uma proposta de novo Código Florestal é o ponto paradigmático desse processo de degradação da agenda socioambiental que flexibiliza a legislação de proteção às florestas, concede

Retrocessos na agenda socioambiental

  “O primeiro ano do governo da Presidente Dilma Rousseff foi marcado pelo maior retrocesso da agenda socioambiental desde o final da ditadura militar”. A afirmação se encontra na Carta escrita por diversas organizações da sociedade civil para alertar a sociedade brasileira sobre os retrocessos que vêm sendo constatados na área socioambiental no governo de Dilma. O ambientalista Márcio Santilli, do Instituto Socioambiental – ISA, presente no ato de lançamento da carta,

Top