Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.526, de 08/02/2012

  Urbanização e Cidades Ecológicas, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Chuva no Sertão, por Paulo Gondim Pinheirinho: Depois da desocupação, até gente também virou entulho, artigo de Evandro de Pádua Abreu Brasil: de empresa internacionalizada à uma sociedade biocentrada, por Leonardo Boff Código Florestal será votado no dia 6 de março na Câmara Ibama flagra desmatamento de vegetação nativa da Mata Atlântica na área de amortecimento do Parque Nacional do

Urbanização e Cidades Ecológicas, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  [EcoDebate] A população mundial passou de 2,5 bilhões de habitantes para 7 billhões entre 1950 e 2011. No mesmo período a população urbana passou de 730 milhões (29%) para 3,6 bilhões de habitantes (51% da população total). Enquanto a população total cresceu 2,8 vezes, a população urbana cresceu 4,9 vezes, em seis décadas, segundo dados da divisão de população da ONU. As projeções para 2050 indicam uma população mundial de 9,3

Chuva no Sertão, por Paulo Gondim

  “Enfim, a chuva chegou Muitos sonhos renovou Fez a vida renascer A vida quase esquecida Dessa gente desvalida Que nunca deixa o sertão Mesmo sabendo da luta Da vil e cruel labuta Por um pedaço de pão” Primeira estrofe de meu poema “DESTA VEZ, FOI A CHUVA”, que escrevi em janeiro de 2002, depois que presenciei uma chuva forte, que caiu no dia 30 de dezembro de 2001, que arrasou parte da cidade de Brejo Santo, no Ceará. Dizem

Pinheirinho: Depois da desocupação, até gente também virou entulho, artigo de Evandro de Pádua Abreu

  Direito de moradia existe só para os que são proprietários. [O TEMPO] O Brasil assistiu perplexo à desocupação de Pinheirinho, cuja comunidade de cerca de 6.000 pessoas, incluindo crianças, idosos e doentes, foi jogada ao relento, na amargura, para dar cumprimento a uma decisão judicial, como se as decisões judiciais, inclusive as do colarinho-branco, fossem cumpridas com presteza e determinação. Em favor de massa falida? Nos graves conflitos sociais, pouco importa se

Brasil: de empresa internacionalizada à uma sociedade biocentrada, por Leonardo Boff

  Há interpretações clássicas sobre a formação da nação-Brasil. Mas esta do cientista político Luiz Gonzaga de Souza Lima é seguramente singular e adequada para entender o Brasil no atual processo de globalização: A Refundação do Brasil: rumo a uma sociedade biocentrada (Rima,São Carlos 2011). Seu ponto de partida é o fato brutal da invasão e expropriação das terras brasileiras pelos “colonizadores” à base da escravidão e da superexploração da natureza. Não

Código Florestal será votado no dia 6 de março na Câmara

  O novo Código Florestal voltará à pauta da Congresso Nacional no dia 6 de março, data acertada entre governo e parlamentares para votação do texto na Câmara dos Deputados. A proposta, que já havia sido aprovada pela Câmara, sofreu mudanças no Senado e deve ser levada diretamente ao plenário, sem passar por comissões da Casa. Depois da Câmara, a nova legislação ambiental deverá finalmente seguir para sanção presidencial. A data e

Ibama flagra desmatamento de vegetação nativa da Mata Atlântica na área de amortecimento do Parque Nacional do Caparaó/ES

  Agentes do Ibama flagraram desmatamento de vegetação nativa da Mata Atlântica na área de amortecimento do Parque Nacional do Caparaó/ES, sendo o dono da propriedade multado em R$ 63 mil. Segundo a equipe de fiscalização, que contou com apoio dos técnicos do Iema, o proprietário estaria fazendo loteamentos no espaço para construção de casas, o que é proibido por lei por ser tratar de área de preservação permanente. A área atingida

Pó de rocha (rochagem) como fertilizante é saída para agricultura, dizem especialistas

  A utilização de pó de rocha como fertilizante e corretivo do solo é uma alternativa para o país reduzir custos de produção da agricultura e romper com a atual dependência de insumos importados, sem comprometer a produtividade das lavouras. A adoção da prática, conhecida como rochagem, foi defendida por todos os especialistas reunidos nesta terça-feira (7) em debate na Comissão de Meio Ambiente (CMA). Conforme explicaram os pesquisadores, rochagem é a

MS: obra de R$ 1 milhão está parada enquanto assentados tomam água contaminada

  Justiça acata pedido do MPF e determina término de obras e abastecimento emergencial de água em assentamento de Corumbá O Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul (MPF/MS) ajuizou ação após recomendar diversas vezes, sem sucesso, que o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) resolvesse os problemas no abastecimento de água do Assentamento São Gabriel, em Corumbá. A Justiça acatou o pedido do MPF e determinou que o

MPF/PA pede, pela quarta vez, proteção para Júnior Guerra, ameaçado por madeireiros em Trairão

  O Ministério Público Federal, através de procuradores que atuam em Santarém e Altamira, voltou a enviar ofícios com carimbo de urgente para a Polícia Federal, para o Programa Estadual de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos do Pará (PEPDDH) e para a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República requisitando força policial para proteger a vida de Júnior José Guerra, morador do Projeto de Assentamento Areia, em Trairão, e

Trabalho feito por cientistas da USP mostra que animais idosos não apresentam redução do número de neurônios

  Animais idosos não perdem neurônios, indica estudo - Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) em preás mostrou que, diferentemente do que se imaginava, animais idosos não sofrem redução do número de neurônios do sistema nervoso autônomo periférico – a parte do sistema nervoso situada nos diversos órgãos do indivíduo e fora do cérebro. O estudo foi publicado no International Journal of Developmental Neuroscience – revista de

Médico destaca cuidados para evitar doenças como a gastroenterite no verão

  Cuidados com a higiene e a alimentação nunca são demais na época do verão e podem afastar problemas digestivos sérios, como a gastroenterite, alertou o professor de infectologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Edmilson Migowski. Muitas vezes, sintomas como náuseas, vômito, dor de cabeça ou na barriga, fadiga, diarreia, dores musculares e febre podem representar mais que um mal-estar passageiro e ser uma gastroenterite. Essa é uma infecção

Top