Índice da edição nº 1.152, de 04/08/2015

Impactos culturais do turismo, artigo de Roberto Naime Percebendo nossos impulsos - ajuste seu 'desconfiômetro', artigo de Américo Canhoto O Poder Emana do Povo, 1ª Parte, artigo de Ana Paula de Carvalho Impactos na biodiversidade da revisão do Código Florestal são discutidos em evento do Biota-FAPESP Equador recebe US$ 3,6 bi da ONU para suspender exploração de petróleo na Amazônia ICID 2010: ONU proclama Década sobre Desertos e de Combate à Desertificação Justiça determina que bebidas

Impactos culturais do turismo, artigo de Roberto Naime

[EcoDebate] Os principais elementos culturais que motivam as pessoas a visitar determinadas regiões, são as belezas naturais que motivam a viagem e logo a seguir, o artesanato local. Sobre isto cabe uma observação, os turistas diferenciam muito bem artesanato local de bugigangas de São Paulo ou do Paraguai e valorizam uma coisa e repelem a outra. Os atrativos prosseguem com o idioma falado, as tradições, a gastronomia, as artes, a

Percebendo nossos impulsos – ajuste seu ‘desconfiometro’, artigo de Américo Canhoto

[EcoDebate] Não sei de vocês; mas eu ultimamente ando me sentindo meio estranho; reações e atitudes que considero negativas que afloravam no passado; e até no presente; mas que, aparentemente estavam sob controle; têm surgido como pulsos de energia nas últimas semanas. Interessante é que não surgem, assim meio que do nada, apenas pulsos de energia negativa; mas, também positivas. Estou me sentindo um bipolar impulsivo; ora bonzinho ora mauzinho

O Poder Emana do Povo, 1ª Parte, artigo de Ana Paula de Carvalho

[EcoDebate] Muito escuto ultimamente: “não darei meu voto a fulano ou a sicrano”, “não voto em político porque todo político se não é ladrão, é corrupto”, “voto nulo por que não acredito em políticos”. Dito isto precisamos rever alguns conceitos e pré-conceitos em suas raízes para o melhor entendimento de cada um deles, imprescindíveis para entendermos o nosso papel (do cidadão) na política. A família é o primeiro grupo social que

Impactos na biodiversidade da revisão do Código Florestal são discutidos em evento do Biota-FAPESP

Impactos do Código Florestal são analisados – Impactos potenciais da revisão no Código Florestal, em tramitação no Congresso Nacional, na biodiversidade e nos serviços ecossistêmicos foram debatidos por pesquisadores de diversas áreas do conhecimento nesta terça-feira (3/8), em evento organizado pelo programa Biota-FAPESP, na sede da Fundação. Carlos Alfredo Joly, coordenador do Biota-FAPESP e professor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), abriu o encontro lamentando a falta de participação da comunidade

Equador recebe US$ 3,6 bi da ONU para suspender exploração de petróleo na Amazônia

O governo do Equador se comprometeu com a Organização das Nações Unidas (ONU) a suspender o projeto de exploração de reservas de petróleo, que ficam dentro de uma área de proteção ambiental na Amazônia. Em troca, o governo do presidente equatoriano, Rafael Correa, receberá aproximadamente US$ 3,6 bilhões financiados por países ricos. Pelos termos do acordo firmado ontem (3), as reservas ficam no Parque Nacional de Yasuní e devem permanecer

ICID 2010: ONU proclama Década sobre Desertos e de Combate à Desertificação

As Nações Unidas lançam, oficialmente, durante a abertura da II Conferência Internacional sobre Clima, Sustentabilidade e Desenvolvimento em Regiões Áridas e Semiáridas (ICID 2010), a Década da ONU sobre Desertos e de Combate à Desertificação Como parte dos esforços para conter o acelerado processo de desertificação enfrentado por mais de 100 países e para mitigar os impactos do aquecimento global em regiões áridas e semiáridas do planeta, as Nações Unidas lançam,

Justiça determina que bebidas alcoólicas em garrafas PET devem ter licença ambiental

Decisões abrangem cervejaria Belco e obrigam empresa a obter licenciamento ambiental para venda de bebidas alcoólicas envasadas em garrafa PET A 12ª Vara Federal Cível de São Paulo julgou procedentes duas ações ajuizadas pelo Ministério Público Federal (MPF/SP), que obrigam a cervejaria Belco S/A a obter licença ambiental junto ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) antes de lançar cerveja, chope e bebida alcoólica por mistura

Cultura machista está por trás da violência contra as mulheres, dizem especialistas

A Lei Maria da Penha completa quatro anos no próximo sábado. Apesar dos recentes casos de agressões contra as mulheres, pesquisadoras e ativistas feministas avaliam como positiva a implementação da lei que criou mecanismos para conter a violência doméstica e familiar contra a mulher. Para a socióloga Lourdes Maria Bandeira, professora da Universidade de Brasília (UnB) e subsecretária de Planejamento e Gestão Interna da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM),

Estudo aponta maior incidência de perseguição e preconceito em escolas com baixo rendimento

Escolas em que se observaram mais atitudes agressivas entre os alunos estão no rol das que apresentaram as avaliações mais baixas em Português e Matemática na Prova Brasil de 2007. A relação foi identificada pelo cruzamento de pesquisa que examinou a compreensão do tema "Diversidade na Comunidade Escolar do País" com os resultados do teste que afere anualmente a evolução da qualidade do ensino básico. O tema foi abordado pelo pesquisador

Avança o monopólio da terra para produção de agrocombustíveis, artigo de Maria Luisa Mendonça

[Adital] O monopólio da terra segue como tema central diante do avanço do capital sobre recursos estratégicos em todo o mundo. Nesse contexto, a produção de agrocombustíveis cumpre o papel de justificar este processo, a pretexto de servir como suposta alternativa para a crise climática. Porém, quando falamos sobre mudanças climáticas, estamos realmente nos referindo a mudanças no uso do solo, com a expansão dos monocultivos, da mineração, das grandes

As florestas e o futuro do planeta, artigo de Marcelo Barros

[O Popular] Nesta época do ano, em várias regiões do Brasil, multiplicam-se as queimadas. Os jornais falam em milhares de focos de incêndio que devastam florestas, campos e cerrados. A maioria destes focos é provocada por proprietários rurais. Tanto o governo como grupos ecológicos têm dificuldade de impedir este crime ambiental. O quadro se agrava mais agora, quando o Congresso Nacional discute e vota um novo Código Florestal. Para compreender melhor

Top