Índice da edição nº 1.149, de 02/08/2010

Estatísticas de acesso ao EcoDebate, em julho de 2010 Bertha Lutz: precursora da luta feminista, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Finalmente, água é direito humano, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó) Aspecto da influência ambiental exógena, artigo de Werno Herckert Comissão Parlamentar Mista de Inquérito(CPMI) absolve MST, artigo de Frei Betto Comunidade científica se mobiliza contra reforma do Código Florestal MPF quer adiar operação da Usina de Simplício por danos ambientais à água do Rio Paraíba

Estatísticas de acesso ao EcoDebate, em julho de 2010

Relatório: EcoDebate Intervalo: 01/07/2010 - 31/07/2010 Total de Visitas 142.435 Total de Visitantes Únicos 98.812 Total de Páginas (Impressões) 624.295 Total de Hits 4.310.407 Total de Bytes Transferidos 85,3 GB Média diária de Visitas: 4.594,7 Média diária de Páginas: 20.138,55 (redução de de 10,47% em relação a 2009) Gráfico: Média diária de Páginas (Impressões ou Pageviews) de 2010 x 2009 A série histórica das estatísticas, a contar de maio/2008, está disponível na página de “Estatísticas” [Leia na íntegra]

Bertha Lutz: precursora da luta feminista, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

Bertha Maria Julia Lutz (São Paulo, 1894 — Rio de Janeiro, 1976) foi uma das figuras pioneiras do feminismo no Brasil (Wikipédia) [EcoDebate] No dia 2 de agosto, nasceu Bertha Maria Julia Lutz, em 1894, em São Paulo. Ela era filha do cientista e pioneiro da medicina tropical - Adolfo Lutz, oriundo de uma família suíça, e da enfermeira inglesa Amy Fowler. Bertha era zoóloga de profissão e estudou ciências naturais

Finalmente, água é direito humano, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó)

[EcoDebate] Dia 28 de Julho de 2010 a água potável e o saneamento ambiental foram reconhecidos pela ONU como um direito humano. Uma aberração necessária para os tempos atuais. Muito dessa conquista se deve à Bolívia. Desde a “Guerra pela água de Cochabamba”, quando uma multidão ocupou as ruas da cidade e retomou o serviço público de água das mãos de uma transnacional, criou-se na Bolívia um bloco de forças que

Aspecto da influência ambiental exógena, artigo de Werno Herckert

[EcoDebate] O neopatrimonialismo contábil pesquisa e estuda a mutação da riqueza (fenômeno patrimonial) da célula social causada pela influência ambiental exógena. Tal efeito é uma força externa ao patrimônio capaz de gerar benefício ou malefício a riqueza da empresa com repercussão, em muitos casos, no entorno natural e isso ocorre mesmo sendo pouco observável. Se o agente externo tanger a essência da riqueza da célula social gera fenômeno patrimonial. Há interação

Comissão Parlamentar Mista de Inquérito(CPMI) absolve MST, artigo de Frei Betto

[EcoDebate] O MST jamais desviou dinheiro público para realizar ocupações de terra — eis a conclusão da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito(CPMI), integrada por deputados federais e senadores, instaurada para apurar se havia fundamento nas acusações, orquestradas pelos senhores do latifúndio, de que os movimentos comprometidos com a reforma agrária se apoderaram de recursos oficiais. Em oito meses, foram convocadas 13 audiências públicas. As contas de dezenas de cooperativas de agricultores

Comunidade científica se mobiliza contra reforma do Código Florestal

A edição do último dia 16 de julho da Science, uma das mais prestigiadas revistas científicas do mundo, trouxe uma carta escrita por seis pesquisadores brasileiros, dois deles do Instituto de Biologia (IB) da Unicamp. No texto, o grupo alertava a comunidade científica internacional para os riscos oferecidos pela proposta de reforma do Código Florestal brasileiro, atualmente em trâmite na Câmara dos Deputados. Na opinião dos signatários, se for aprovada

MPF quer adiar operação da Usina de Simplício por danos ambientais à água do Rio Paraíba do Sul

A procuradora do Ministério Público Federal em Petrópolis, Vanessa Seguezzi, deu prazo até hoje, segunda-feira 2/8, para que Furnas Centrais Elétricas responda se vai acatar a recomendação da entidade de adiar a entrada em operação da Usina Hidrelétrica de Simplício, até que seja concluído o sistema de tratamento de esgoto, o que deverá ocorrer, em sua totalidade, até dezembro de 2011. A procuradora da República destacou que a ligação das residências

Empresas de mineração provocam danos ambientais a APA Gericinó-Mendanha, reserva de Mata Atlântica

MPF quer suspender extração mineral sem licença em Nova Iguaçu (RJ) - Empresas provocam danos ambientais a reserva de Mata Atlântica O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro (MPF/RJ) quer interromper a extração de minérios sem licença ambiental na Área de Proteção Ambiental (APA) Gericinó-Mendanha, reserva de Mata Atlântica na Baixada Fluminense. Para proteger as paisagens e recursos hídricos locais, o MPF enviou recomendação ao Instituto Estadual do Ambiente (Inea),

Mudanças climáticas e monitoramento dos oceanos

Um programa sustentado de observações e monitoramento é fundamental para se entender as mudanças no Atlântico Sul e para que o Brasil se prepare para os impactos das mudanças climáticas. O alerta foi feito pelo físico Edmo Campos, professor do Instituto Oceanográfico, da Universidade de São Paulo (IO-USP), durante sua conferência Mudanças Climáticas: A Importância do Oceano, proferida ontem (28/7), na 6ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso

Perigo, perdemos água doce

A água doce continua se esgotando. O recente desprendimento do glaciar Jakobshavn Isbrae na Groenlândia, uma massa de gelo de sete quilômetros, reforça as advertências sobre os perigos que significa a perda desse recurso essencial para a vida. Cientistas asseguram que o aumento da temperatura global, como resultado da mudança climática, é uma das causas da diminuição destas massas geladas que contêm 74 por cento da água doce do planeta. O

Poluição veicular eleva chances de internação por doenças respiratórias

Os poluentes emitidos por veículos na cidade de São Paulo aumentam as chances de crianças e adolescentes até 18 anos serem internados por doenças respiratórias. Estudos da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP indicam que há uma relação direta entre o aumento das possibilidades de jovens desenvolverem essas doenças e a localização de sua residência em locais de grande circulação de veículos. Isso acontece porque nessas áreas são maiores

Top