Envelhecimento populacional não é bomba, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

[Folha de S.Paulo] Atualmente, formuladores de política teriam muito a ganhar se colocassem os estudos demográficos no topo de suas agendas A demografia é uma ciência importante, embora ainda pouco divulgada no Brasil. Talvez por isso, de tempos em tempos, seja apresentada como ameaça visível, invisível ou "bomba demográfica". Antes de tudo, é preciso distinguir a ciência do seu objeto de estudo. A demografia estuda o comportamento de três componentes: fecundidade, mortalidade

Informações decisivas para discutir o lixo, artigo de Washington Novaes

Foto: ABr [O Estado de S.Paulo] Uma das razões mais frequentemente apontadas como causa das dificuldades para discutir as chamadas questões ambientais estaria na ausência de informações concretas sobre danos ambientais, que evidenciem em números os prejuízos provocados por esta ou aquela ação e demonstrem a superioridade de propostas alternativas mais adequadas. Mesmo quando estas existem, faz-se de conta que não. Um exemplo: o economista Robert Constanza, coordenando um grupo de

Desastre ambiental no Golfo do México: Vazamento de petróleo é reduzido, mas não para

Mancha de óleo no Golfo do México, na costa da Louisiana. Foto de Patrick Semansky/Associated Press Os novos esforços da BP para interromper o vazamento de petróleo de um poço danificado no Golfo do México pararam de novo na sexta-feira, com a empresa suspendendo as operações de bombeamento pela segunda vez em dois dias, segundo um técnico envolvido no esforço de resposta. Em uma operação conhecida como “junk shot”, engenheiros da BP

Desastre ambiental no Golfo do México: Um vazamento que deveria afogar as promessas vazias

Trabalhadores na limpeza de praia em Grand Isle, East State Park, Louisiana. Foto de Nicole Bengiveno/The New York Times O vazamento de petróleo nas profundezas do golfo do México, que agora é calculado entre 12 mil e 19 mil barris diários, entrou em sua sexta semana. Durante esse tempo, os líderes das Américas concentraram a atenção nas lições a aprender e nas medidas a adotar para evitar um desastre semelhante. Especialistas do

Índice da edição de 28/05/2010

A redução da mortalidade materna e neonatal, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Gestão de resíduos sólidos industriais, artigo de Roberto Naime Um caso (hipotético) de reestruturação familiar, artigo de Américo Canhoto Indígenas isolados ameaçados pelas hidrelétricas na Amazônia: Santo Antônio, Jirau e Belo Monte, artigo de Telma Monteiro Amazônia, Pará e o mundo das águas do Baixo Tocantins, artigo de Rogério Almeida Ficha limpa em arquivo sujo, artigo de Pe. Alfredo J. Gonçalves II Assembleia

A redução da mortalidade materna e neonatal, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

[EcoDebate] No dia 28 de maio ocorre uma mobilização em todo o mundo pela redução da mortalidade materna. Este dia foi definido, em 1984, em Amsterdan na Holanda, como Dia Internacional de Ação pela Saúde da Mulher durante o 4º Encontro Internacional Mulher e Saúde. No 5º Encontro Internacional Mulher e Saúde (São José da Costa Rica, 1987), delineou-se a Campanha Mundial pela Saúde da Mulher e de Combate à

Gestão de resíduos sólidos industriais, artigo de Roberto Naime

Prof. Roberto Naime [EcoDebate] Resíduos sólidos industriais podem ser de classe I (quando são perigosos, patogênicos, tóxicos, inflamáveis e coisas assim), podem ser de classe IIA (iguais aos resíduos domésticos) ou podem ser de classe IIB (iguais aos de construção civil, que em sua maioria são inertes, com exceção do gesso, tinta e outros componentes menores). Esta classificação é dada pela NBR (Norma Brasileira Recomendada) 10.004/2007 da ABNT (Associação Brasileira de Normas

Um caso (hipotético) de reestruturação familiar, artigo de Américo Canhoto

Dr. Amério Canhoto [Ecodebate] Numa hipotética família, além dos problemas naturais advindos das relações familiares, sociais e outros; há uma criança que perturba todo e qualquer ambiente onde se encontre. Não fica quieta, mexe em tudo. Já foi rotulada pelas pessoas que convivem com ela de: “mal educada”, “capetinha”, “endiabrada” “problemática”, etc. Seus pais já perderam noites de sono, discutiram, brigaram, muitas vezes, devido a essa sua forma de comportamento; e até tentam

Indígenas isolados ameaçados pelas hidrelétricas na Amazônia: Santo Antônio, Jirau e Belo Monte, artigo de Telma Monteiro

[EcoDebate] A recente denúncia internacional sobre as ameaças que pairam sobre os indígenas isolados na Amazônia chama a atenção para o descaso com que esse tema tem sido tratado pelo governo brasileiro e pelas empresas interessadas nos grandes projetos hidrelétricos. Documentos do processo de licenciamento ambiental como pareceres do Ibama e da FUNAI, Projeto Básico Ambiental (PBA), ofícios, Estudos de Impacto Ambiental (EIA), Termos de Referência, comprovam que todos os

Amazônia, Pará e o mundo das águas do Baixo Tocantins, artigo de Rogério Almeida

RESUMO: O artigo realiza uma inflexão sobre aspectos sociais, políticos e econômicos do Baixo Tocantins, no Pará, tendo como eixo central as realidades que conformam o mundo camponês da região. [EcoDebate] O Brasil é o país que concentra a maior parcela da principal floresta tropical do mundo, a Amazônia. Bolívia, Colômbia, Equador, Guiana, Guiana Francesa, Peru, Suriname e Venezuela são os demais países onde incide a floresta. Do território nacional, cerca

Ficha limpa em arquivo sujo, artigo de Pe. Alfredo J. Gonçalves

[EcoDebate] A aprovação, pela Câmara e pelo Senado, do Projeto Ficha Limpa deve ser comemorada, sem dúvida, mas há muito que fazer no campo da democracia brasileira. Uma retrospectiva ainda que superficial aos clássicos da trajetória política do país bastará para reconhecer que, se a ficha é limpa, o arquivo permanece sujo. De fato, algumas concepções de nossa história funcionam, simultaneamente, como chaves para entender o passado e como metáforas

II Assembleia Popular Nacional: Na construção do Brasil que queremos

Com o tema “Na construção do Brasil que queremos”, começou no dia 25/5, a II Assembleia Popular Nacional – Mutirão por um novo Brasil. Os cerca de 600 militantes de diversos movimentos e pastorais sociais que participam do evento este ano caminharam junto com o porta-voz do evento, que declarou aberta a assembleia. O encontro acontece no Centro de Treinamento Educacional da Confederação Nacional dos Trabalhadores da Indústria (CNTI), em

Top