Índice da edição de 31/07/2009

Estudo reafirma que a ação humana e o aumento das emissões de CO2 são grandes ameaças aos ecossistemas marinhos Carta-manifesto: Mineradora canadense traz doença, morte, pobreza e destruição aos milhares de habitantes de Paracatu, Brasil Audiências Públicas sobre o Complexo Minerário da BAMIN no Sudoeste da Bahia Lula reconhece dívida com atingidos por barragens Mais florestas na Amazônia vão ser licitadas até 2010 Município é responsável solidário por degradação ambiental Estudo destaca avanços socioeconômicos no Nordeste,

Estudo reafirma que a ação humana e o aumento das emissões de CO2 são grandes ameaças aos ecossistemas marinhos

Mudanças físicas decorrentes das mudanças climáticas relevantes para os ecossistemas marinhos. Do ARC Centre of Excellence in Coral Reef Studies [Por Henrique Cortez, do EcoDebate] Já não há porque questionar se a emissão de CO2 de origem antropogênica está na raiz do aquecimento global e das mudanças climáticas. Hoje discute-se quais serão as consequências destas mudanças climáticas para a humanidade, mas, em geral, pouco se discute dos impactos nos ecossistemas. Dentre os

Carta-manifesto: Mineradora canadense traz doença, morte, pobreza e destruição aos milhares de habitantes de Paracatu, Brasil

Localização do Município de Paracatu, 17° 13' 19" S 46° 52' 30" O ( Wikipédia ) Manifesto de Paracatu, julho de 2009 Carta-manifesto e apelo nacional e internacional (*) Mineradora canadense traz doença, morte, pobreza e destruição aos milhares de habitantes de Paracatu, Brasil Crianças e jovens são os que mais adoecem e morrem, e as riquezas e os valores são destruídos A expansão da mina de ouro da transnacional canadense RPM/Kinross traz a

Audiências Públicas sobre o Complexo Minerário da BAMIN no Sudoeste da Bahia

Às 23 horas e 40 minutos da terça feira, 29 de julho de 2009 chegamos de mais uma audiência publica sobre o complexo minerário da BAMIN – Bahia Mineração LTDA. Foi a segunda de quatro audiências previstas para a região entre os dias 28 a 31 de julho. Já foram realizadas nos município de Guanambi e Caetité. Hoje será a vez de Malhada e amanhã no distrito de Guirapá, Pindaí. Nas

Lula reconhece dívida com atingidos por barragens

Presidente Lula, no lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar 2009/2010 Foto: Wilson Dias/Abr Na última quarta-feira (22/07), o presidente Luís Inácio Lula da Silva, em discurso durante o lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar, em Brasília, admitiu ter dívidas com o MAB (Movimento dos Atingidos por Barragens). Segundo o presidente, durante muito tempo se construiu hidrelétricas no país sem que os atingidos recebessem indenizações e reassentamentos. 16896

Mais florestas na Amazônia vão ser licitadas até 2010

(30/07/2009)O ministro do Meio Ambiente Carlos Minc,durante o lançamento do Plano Anual de Outorga Florestal (Paof), que vai destinar 2,7 milhões de hectares na Amazônia para concessão florestal Foto: Elza Fiuza/ABr Governo pretende licitar 2,7 milhões de hectares de florestas na Amazônia até 2010 O governo lançou ontem (30) o Plano Nacional de Outorga Florestal (Paof), que prevê as áreas de florestas públicas disponíveis para exploração comercial até 2010. Trechos de seis

Município é responsável solidário por degradação ambiental

... os entes de direito público, como os municípios, são responsáveis solidários por danos ao meio ambiente não só quando causam diretamente a degradação ambiental, mas quando concedem licença de forma equivocada ou não fiscalizam as atividades e empreendimentos nas áreas de sua competência... Município de Pitimbu, na Paraíba, não conseguiu reverter sentença que o condenou a demolir bar na praia de Jacumã e recuperar área degradada A Segunda Turma do Tribunal

Tagged

Estudo destaca avanços socioeconômicos no Nordeste, mas pede revisão de políticas públicas

Estudo divulgado recentemente pela FGV Projetos, unidade de ensino e pesquisa da Fundação Getulio Vargas (FGV), destaca os avanços socioeconômicos da Região Nordeste e apresenta os focos de políticas públicas que precisam de revisão. O aumento da renda está entre os fatores positivos, porém o desempenho na área social oscila conforme as prioridades políticas. Em 2007, o Sergipe e o Rio Grande do Norte deram um salto em termos de

Inpe desenvolve novo sistema de vigilância para monitorar o desflorestamento causado pela exploração seletiva

Imagem: INPE Mais controle e fiscalização – O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) está concluindo o desenvolvimento tecnológico, com previsão de lançamento para a primeira quinzena de agosto, de um novo sistema de vigilância por satélite para monitorar o desflorestamento causado pela exploração seletiva de madeira na Amazônia e em outras florestas brasileiras. 16883

A sobrevivência humana ameaçada. Palestra proferida por Washington Novaes

“Estamos vivendo uma crise de padrão civilizatório. Nossos modos de viver não são compatíveis com as possibilidades do planeta. É preciso então mudá-los. Não temos alternativa.”. A afirmação é de Washington Novaes (foto), jornalista e ambientalista, em palestra proferida no Conselho de Economia, Sociologia e Política da Federação do Comércio, Sesc e Senac de São Paulo, no dia 16 de abril de 2009. Com o tema “Os limites da sustentabilidade no

Comitê propõe reduzir vazão do rio São Francisco para economizar água

Uma proposta em tramitação no Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), órgão presidido pelo ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, promete causar muita polêmica. Com o objetivo de facilitar a economia de água da barragem de Sobradinho - pulmão do sistema hidrelétrico do Nordeste - em períodos de seca, ou de dar uso ao crescente parque de geração termelétrica da região, o comitê pretende obter licença para reduzir

Debate sobre Reserva Legal não encerra problemas da agricultura familiar, artigo de Felipe Amaral

[Agência Chasque de Notícias]A luta entre ambientalistas e ruralistas no Congresso Nacional está tendo um desfecho administrativo. Numa manobra política e sabidamente oportuna, o Ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, utiliza-se de instrumentos normativos e resoluções do Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA), para fazer as alterações necessárias no texto do Código Florestal brasileiro. 16871

Top