Índice da edição de 11/08/2008

Do Fome Zero aos Agrocombustíveis, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó) Denúncia: desmatamento da caatinga para produção de biodiesel na bacia do rio Salitre Aquecimento do oceano Índico ameaça a segurança alimentar do leste e sul da África Hábitos de consumo e eletrodomésticos pouco eficientes são principais vilões do desperdício de energia biofortificação: Pesquisadores trabalham para elevar teor vitamínico de alimentos para os mais pobres UHE Estreito: Indígenas temem impactos e demonstram desconfiança Exército tira transposição do

Do Fome Zero aos Agrocombustíveis, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó)

[EcoDebate] Quando Lula tomou posse, uma de suas primeiras atividades foi reunir seu ministério e levá-lo até Guaribas, sertão do Piauí. Andando longo trecho de ônibus, os ministros que só conheciam o sertão pelos livros e TVs, puderam pôr o pé na realidade. O gesto era simbólico e, como já advertia Frei Betto, não era a revolução, mas era o que podia um governo eleito pelo voto. Lula proclamara o

Denúncia: desmatamento da caatinga para produção de biodiesel na bacia do rio Salitre

BIOBRAX (espanhola) E COMANCHE (norte-americana) DESMATARÃO CAATINGA PARA IMPLANTAR PINHÃO-MANSO, MATÉRIA-PRIMA PARA O BIODIESEL NA BACIA DO RIO SALITRE Essa informação chegou até Patrícia Marques (engenheira florestal e secretária do CBH Salitre), através da colega Cláudia Bueno, bióloga que presta serviço ao ICM - Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (instituto criado com a separação do IBAMA). A colega citada, que até ano passado morava no estado de São Paulo,

Aquecimento do oceano Índico ameaça a segurança alimentar do leste e sul da África

Computação gráfica do aquecimento do oceano Índico, a partir de dados do satélite Pathfinder, com dados de 1994 até 2005. Fonte NASA Estudo publicado pela revista Proceedings of the National Academy of Sciences PNAS, edição de 6/8, avalia as possíveis conseqüências do crescente aquecimento do oceano Índico, na produção de alimentos na África ao leste e ao sul. Por Henrique Cortez, do EcoDebate. 3464

Hábitos de consumo e eletrodomésticos pouco eficientes são principais vilões do desperdício de energia

Apesar de representarem problemas de segurança e funcionamento, instalações inadequadas ocasionam um desperdício de energia bem menor, quando comparado ao que resulta dos hábitos de consumo e de alguns tipos de iluminação e eletrodomésticos de baixa eficiência. Para estimar a perda média de energia ocasionada por incorreções em instalações residenciais, o engenheiro eletricista Ricardo Santos d’Avila reuniu em sua pesquisa dados disponibilizados por outros estudos e associações de fabricantes

biofortificação: Pesquisadores trabalham para elevar teor vitamínico de alimentos para os mais pobres

Em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), cerca de 50 países da América Latina, Ásia e África estão participando de um projeto para aumentar o teor vitamínico de alguns alimentos, como a mandioca. O objetivo é mudar o quadro nutricional no mundo, definido como "caótico" pelo pesquisador José Luiz Viana de Carvalho, da Embrapa Agroindústria de Alimentos. Por Alana Gandra, da Agência Brasil. 3459

UHE Estreito: Indígenas temem impactos e demonstram desconfiança

Povos Krahô, Apinajé, Gavião e Krikati, que vivem nas margens do Rio Tocantins, brigam para que sejam reconhecidos como impactados pela Usina de Estreito. Povos não foram incluídos nos estudos para a construção da obra Texto e fotos: Beatriz Camargo, da Agência de Notícias Repórter Brasil. Parte III - "Vidas Inundadas - Indígenas" Indígenas do povo Apinajé fazem colares. Preocupação maior é a pressão sobre a Terra Indígena As populações indígenas não foram

Exército tira transposição do Rio São Francisco do papel

A igrejinha branca e azul nos arredores de Cabrobó (PE), onde o bispo d. Luiz Flávio Cappio, em 2005, fez a primeira greve de fome contra a transposição do Rio São Francisco, está fechada. Na região, não há mais manifestações contrárias à obra e os tratores de esteira e as escavadeiras do Exército rasgam o sertão em ritmo acelerado, começando a abrir os dois canais que vão levar água do

Transposição do São Francisco: uma nova indústria da seca, artigo de Adauto Medeiros

Se o Brasil fosse dirigido por gente séria estaria comemorando a vitória sobre a seca e a famosa frase de Dom Pedro II já não teria o menor sentido. A maioria dos nordestinos pensa que de lá para cá não foi feito nada, mas prefiro falar apenas do nosso estado. Em 1982, construímos a barragem Armando Ribeiro Gonçalves, com 2,4 bilhões de m3; em 1990/92 começou o baixo Assú com 6.000

Museu vivo na Amazônia

Pesquisadores planejam modelo inovador para Museu da Amazônia (Musa), que será instalado em uma área de 15 km² e permitirá ao visitante passear pela floresta e observar plantas e animais (foto: M.Portella) [Agência FAPESP] Pesquisadores de instituições de ensino e pesquisa brasileiros querem adotar um modelo inovador para sediar pesquisas na Amazônia e contribuir para a conservação da biodiversidade ecológica e cultural da região. Para isso, movimentam financiadores e articulam uma

Desmatamento legal em SP cai pela 1ª vez desde 1999

Luiz Carlos Murauskas/Folha Imagem São Paulo rompeu em 2007 um ciclo crescente, registrado desde 1999, de aumento do desmatamento com autorização do governo O Estado de São Paulo rompeu em 2007 um ciclo crescente de aumento de áreas de mata nativa desmatadas com autorização de órgãos ambientais. A curva crescente vinha desde 1999. No entanto, os 5.289,8 hectares devastados são o segundo pior resultado dos últimos 11 anos. O número só foi

Bienvenidos al Antropoceno, artigo de Mike Davis

[EcoPortal.net] La presente competición implacable entre mercados energéticos y mercados alimentarios, amplificada por la especulación internacional en mercancías y tierras agrícolas, no es sino una modesta muestra del caos que, a no tardar, prosperaría exponencialmente si llegaran a converger el agotamiento de los recursos, una desatentada desigualdad y el cambio climático. 3444

Top