Índice da edição de 15/07/2008

sustentabilidade: Uma equação que não fecha Liminar suspende reavaliação de componentes de 99 agrotóxicos Inpe vai divulgar dados de desmatamento mensal acompanhados de análise Minc adiante que queda no desmatamento da Amazônia foi modesta Estudos apontam impacto do crescimento demográfico sobre florestas Amazônia: Mapa da destruição cruza dados de desmate com os da distribuição de pássaros Projeto de despoluição do rio Tietê pode perder financiamento do BID Para a ANP, mamona é inadequada ao biodiesel. Óleo atinge

sustentabilidade: Uma equação que não fecha

O professor Wilson Jardim, do Instituto de Química:" A capacidade de sustentação do planeta já está esgotada" (Foto: Antoninho Perri) Apresentando-se como um químico preocupado em dar a devida atenção a questões tidas como secundárias na discussão das “novas tendências mundiais”, o professor Wilson de Figueiredo Jardim vê a questão da sustentabilidade ambiental como um grande mito. “Todas as leis da termodinâmica apontam para a insustentabilidade do planeta. Nenhum processo é

Liminar suspende reavaliação de componentes de 99 agrotóxicos

Elza Fiuza/ABr Brasília - A reavaliação de componentes de 99 agrotóxicos foi suspensa por liminar obtida por fabricantes. Tomate, alface e morango são os alimentos mais contaminados por defensivos agrícolas, segundo a Anvisa Brasília - A reavaliação de nove componentes de 99 agrotóxicos registrados no país foi suspensa por liminar divulgada ontem (14) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A decisão judicial foi conseguida pelo Sindicato Nacional da Indústria de Produtos

Inpe vai divulgar dados de desmatamento mensal acompanhados de análise

Campinas (SP) - O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) decidiu responder com dados às críticas e aos questionamentos sobre a credibilidade da medição mensal do desmatamento da Amazônia pelo Sistema de Detecção em Tempo Real (Deter). Depois de três semanas de atraso, o instituto divulgará hoje (15) o total de áreas devastadas registrado no mês de maio e, desta vez, os dados do satélite serão acompanhados de informações detalhadas

Minc adiante que queda no desmatamento da Amazônia foi modesta

Campinas, 14 (AE) - O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, disse nesta segunda-feira (14), durante a 60ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), em Campinas, a 95 quilômetros de São Paulo, que participará pessoalmente, no fim do mês, de operações de grande porte com o Exército Brasileiro, na Amazônia. A afirmação foi feita após Minc adiantar que os dados do Instituto Nacional de Pesquisas

Projeto de despoluição do rio Tietê pode perder financiamento do BID

A segunda fase do Projeto Tietê termina este mês com as reduções de 69% da poluição orgânica lançada nos rios pelas indústrias da região metropolitana de São Paulo e de 38,7% do despejo de resíduos inorgânicos (metais pesados). Entretanto, esses resultados, apresentados em relatório pela Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb), responsável pelo monitoramento dos trabalhos, são relativos à primeira fase do projeto. Não foram incluídas novas empresas ao

Para a ANP, mamona é inadequada ao biodiesel. Óleo atinge especificação, diz MME

A mamona como matéria-prima do biodiesel, como havia sido propalado pelo governo, seria importante instrumento de distribuição de renda e geração de emprego. Mas uma resolução da Agência Nacional do Petróleo (ANP), publicada em 19 de março, joga uma ducha de água fria no programa social sonhado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao dificultar a comercialização da matéria-prima. Uma fonte do governo federal declarou à Gazeta Mercantil que a

eleições 2008: Agronegócio disputa cidades desmatadoras

Nos 36 municípios que mais devastam a floresta, 35% dos candidatos a prefeito são madeireiros, pecuaristas ou agricultores. Em quatro cidades de Mato Grosso e do Pará, a disputa pela prefeitura se dará apenas entre candidatos do ramo da agropecuária. Por Rodrigos Vargas e João Carlos Magalhães, da Folha de S. Paulo, 14/07/2008. 2737

Japão desiste de disfarçar a caça à baleia de ciência

País admite que faz pesquisa com objetivo de provar que é possível voltar a caçar cetáceo comercialmente na Antártida Perto do templo mais famoso de Tóquio, o Asakusa Kannon, uma loja chama a atenção: tem uma das paredes coberta pela pintura de uma baleia e as prateleiras estão repletas de latas de diferentes tipos -todas contém carne do maior animal marinho. Uma baleia azul de pelúcia enfeita o local, além de

Top