Estudo destaca que agricultoras do sertão pernambucano são mais prejudicadas do que os homens por falta de documentos

Exclusão burocrática – Uma pesquisa feita na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) destaca como a ausência de documentos afeta a vida de agricultoras no sertão de Pernambuco. O estudo, publicado na Revista Estudos Feministas, acompanha como a exclusão burocrática impede o acesso a direitos básicos. As agricultoras não conseguem, por exemplo, matricular-se em escola, registrar ou até mesmo enterrar o próprio filho. Por Alex Sander Alcântara, da Agência FAPESP, publicado

Trabalho escravo no RS. Passado e presente. Entrevista com Leonardo Sakamoto

Os dois recentes flagrantes de trabalho escravo no Rio Grande do Sul comprovam uma tendência que ocorre em todo o país: o envolvimento da agricultura ligada ao agronegócio com condições degradantes de trabalho. Até os casos de Cacequi, em Novembro passado, e recentemente de Bagé, só havia sido encontrado trabalho em más condições em plantios de maçãs, nos Campos de Cima da Serra. É também desta região, mais precisamente da

Morte em SC aponta falta de controle em agrotóxico

Porto Alegre (RS) - As recentes intoxicações por agrotóxico em Santa Catarina abriram a discussão sobre o comércio e a regulação desses produtos no Brasil. Nesta semana, a menina Adriele Gonzáles de Melo, de 3 anos, morreu depois de ter a cabeça lavada com o pesticida Diazitop, para combater piolhos. O pesticida é altamente tóxico e é usado em plantações e para doenças de bovinos. Matéria da Chasque Agência de

crime ambiental – extração ilegal de ouro: Polícia acaba com garimpo de ouro

Cinco balsas são apreendidas no Paraíba do Sul, em Rio das Flores - A Coordenadoria Integrada de Combate aos Crimes Ambientais (Cicca) apreendeu ontem cinco balsas usadas na extração ilegal de ouro no Rio Paraíba do Sul, em área do município de Rio das Flores. Cinco funcionários foram detidos, prestaram depoimento e foram liberados. Policiais da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) estão em busca do dono das embarcações,

A crise do jornalismo na América Latina. Entrevista especial com Erick Torrico Villanueva

“O jornalismo está, efetivamente, numa crise, pois o sistema está alentando uma desconfiguração não somente de suas práticas, mas de seus princípios.” A afirmação é do professor boliviano Erick Torrico Villanueva. Em entrevista à IHU On-Line, realizada por e-mail, Villanueva falou sobre a relação da comunicação e política na América Latina e das mídias e os governos. Para ele, o jornalismo está realmente passando por uma crise de princípios. “Em

Ministra italiana ordena retirar lotes contaminados de muçarela de búfala. CE não adotará mais medidas contra muçarela após a resposta da Itália

Roma, 28 mar (EFE).- A ministra da Saúde da Itália, Livia Turco, ordenou retirar do mercado os lotes de muçarela de búfala contaminados com dioxina, segundo a autoridade informou hoje à Comissão Européia (órgão executivo da União Européia). Matéria da Agência EFE, publicada pelo UOL Notícias, 28/03/2008 - 10h29. 152

Comentário de Henrique Cortez sobre as matérias Ministra italiana ordena retirar lotes contaminados de muçarela de búfala. CE não adotará mais medidas contra muçarela após a resposta da Itália

[EcoDebate] Sempre me surpreendo com hipocrisia européia. Sempre buscam argumentos protecionistas para boicotar os produtos agropecuários do terceiro mundo, mas sempre são “compreensivos” com os problemas originados da própria Europa. 151

A Vale é verde? artigo de Luiz Maklouf Carvalho

Adital - Em maio fará dez anos que a Companhia Vale do Rio Doce foi privatizada. No mês seguinte, ela completa seu sexagésimo-quinto aniversário. Segunda maior mineradora do mundo (a maior é a anglo-australiana bhp Billiton), a empresa anunciou que gastará até o fim do ano mais de 400 milhões de reais na preservação do meio ambiente. É quatro vezes mais do que desembolsou em 2004 em projetos ecológicos. O

Novos desafios de um país mais velho

Na primeira metade do século 21, enquanto a população idosa aumentará a taxas altas, entre 2% e 4% ao ano, a população jovem tenderá a decrescer. As pessoas com mais de 65 anos de idade, que eram 3% em 1970, corresponderão, em 2050, a cerca de 19% da população brasileira. 169

Falta de recursos e burocracia prejudicam políticas de igualdade racial, dizem gestores

As verbas escassas e a burocracia para que os recursos cheguem aos programas destinados à população negra foram a principal queixa dos gestores em políticas para igualdade racial durante o 7º Fórum Intergovernamental de Políticas para Igualdade Racial (Fipir), realizado em Brasília. Matéria de Mariana Jungmann, da Agência Brasil, publicada pelo EcoDebate. 168

Ação tenta anular lei que reclassificou Juréia-Itatins

SOROCABA, SP - Uma ação direta de inconstitucionalidade (Adin) movida pela Procuradoria-Geral de Justiça do Estado de São Paulo, órgão máximo do Ministério Público do Estado (MPSP), tenta anular a lei que transformou a Estação Ecológica de Juréia-Itatins (Eeji) no Mosaico de Unidades de Conservação da Juréia-Itatins, em Peruíbe, na Baixada Santista, e Iguape, no litoral sul. O processo, protocolado em janeiro no Tribunal de Justiça (TJSP), ainda está na

Pachauri, da ONU, pede cautela no uso dos biocombustíveis

BRUXELAS - O mundo precisa agir com cautela no desenvolvimento dos biocombustíveis a fim de evitar efeitos climáticos indesejados e elevação do preço dos alimentos, disse na quarta-feira Rajendra Pachauri, vencedor do Prêmio Nobel da Paz e pesquisador de mudanças climáticas. Em declarações dadas no Parlamento Europeu, Pachauri perguntou se a política norte-americana de converter milho em etanol para ser usado como combustível em veículos reduziria de fato as emissões

Top