COI admite que poluição de Pequim leva risco aos atletas

Lausanne, Suíça, 17 mar (Lusa) – O Comitê Olímpico Internacional (COI) revelou nesta segunda-feira que os atletas que vão competir em provas de resistência ao ar livre nos Jogos Olímpicos de Pequim correm “algum risco” devido à poluição existente na capital chinesa.

“Os estudos efetuados pela Comissão Médica indicaram que pode haver algum risco nas provas realizadas ao ar livre e que durem no mínimo uma hora ao mais alto nível”, declarou o COI em comunicado.

De acordo com o organismo internacional, as competições que estão em causa são o ciclismo de estrada, a maratona, a natação em águas abertas, o triatlo e a marcha atlética.

Nesse sentido, o COI criou comissões de trabalho com as federações desportivas afetadas para elaborar um “plano B”, caso as condições não permitam a realização das provas.

“O COI vai trabalhar com as federações internacionais para por em marcha procedimentos que permitam ativar um plano caso seja necessário”, adianta o comunicado do organismo, acrescentando que, para já, vão ser efetuados “analises diárias da qualidade do ar e das condições meteorológicas”.

O Jogos Olímpicos de Pequim têm inicio agendado para 8 de agosto.

Top