Lula minimiza trabalho degradante no país

Ao defender o crescimento econômico do Brasil, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou ontem, em Campinas (95 km de SP), países europeus que falam sobre o desmatamento da Amazônia. Lula minimizou também ocorrências de trabalho análogo à escravidão no país. Matéria de MAURÍCIO SIMIONATO e SÍLVIA FREIRE, da Agência Folha, em Campinas, publicada pela Folha Online, 05/03/2008 - 07h49. 368

Comentários de Henrique Cortez sobre a matéria: Lula minimiza trabalho degradante no país

Não é a primeira vez que o presidente minimiza as péssimas condições de trabalho nos canaviais ou que qualifica os usineiros como “heróis”. Mas é hipócrita comparar as condições de trabalho nas minas de carvão no século XIX com o trabalho escravo e/ou degradante nos canaviais brasileiros em pleno século XXI. 367

Publicada instrução que regulamenta embargo de áreas com desmatamento ilegal

Os órgãos ambientais vão embargar áreas onde forem constatados desmatamentos ilegais, degradação, queimada ou exploração vegetal sem permissão. Instrução normativa do Ministério do Meio Ambiente regulamentando os procedimentos administrativos em relação ao embargo de obras ou atividades desmatadoras foi publicada hoje (5), no Diário Oficial da União. Com isso, a fiscalização será feita também em empreendimentos agropecuários e florestais que, potencialmente, tenham como fornecedores proprietários que desmatam. Matéria de Lana

Stora Enso: Para Incra, compra de terra na fronteira é proibida pelas leis do País. Instalação da indústria opõe Dilma a ministro do Desenvolvimento Agrário

A disputa travada no Rio Grande do Sul entre o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e a Stora Enso, empresa líder no mercado mundial de papel e celulose, caminha para o impasse. Em entrevista ao Estado, o presidente do instituto, Rolf Hackbart, disse ontem que a instalação de uma nova indústria de papel em território gaúcho, próxima à fronteira com o Uruguai, afronta a legislação brasileira. Matéria

Céticos se agarram a onda de frio para desmentir o aquecimento global

O mundo presenciou algumas condições climáticas de inverno extraordinárias em ambos os hemisférios no ano passado: neve em Johannesburgo em junho e em Bagdá em janeiro, o gelo do oceano Ártico retornou com ímpeto vigoroso depois de uma derrocada recorde no verão passado, nevascas paralisantes na China, e uma queda considerável na temperatura média do globo. Por Andrew C. Revkin, do NY Times, publicado pelo UOL Notícias, Mídia Global [Vejam

Produtores de Energia, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó)

[EcoDebate] “Minha renda mensal vinda da energia solar é de mil Euros. Se não fosse essa energia, essa propriedade não existiria. Além disso, é minha aposentadoria no futuro”. Foi assim que o agricultor alemão me resumiu o papel que a energia solar tem na sua propriedade e na vida de sua família. Ele tem quase cem placas de energia no telhado de seu galpão, onde cria suas vacas confinadas. A energia

El agua es vida… no la desperdicies, artigo de Cristian Frer

El agua es el líquido sin color e insípido que cubre aproximadamente el 71% de la tierra. El noventa y siete por ciento del agua en la tierra es agua salada y el otro tres por ciento es agua dulce. El agua pura es un recurso renovable, sin embargo puede llegar a estar tan contaminada por las actividades humanas, que en ves de ser útil, se convierte en nociva.   El

Top